Samba de primeira com Capital do Samba e Dhi Ribeiro

Fonte Etcetera Comunicação 08/05/2013 às 16h

O “sambão” do Cadê Tereza, desse sábado, 11 de maio, estará ainda mais animado com a presença especial da cantora carioca

A tradicional feijoada de sábado do Cadê Tereza promete um agito a mais aos frequentadores da casa, neste próximo sábado, 11 de maio. Na ocasião, a banda Capital do Samba, anfitriã do evento na cervejaria, contará com participação especial da cantora Dhi Ribeiro. O show tem início às 16h.

O Capital do Samba teve início em meados de 1998, quando um grupo de amigos da Octogonal (bairro de Brasília), na volta de uma viagem a Porto Seguro (onde fizeram muita batucada), descobriram que tinham talento para o samba e decidiram levar mais a sério o estilo. Desde a sua criação a banda se apresentou em várias casas de show em Brasília e redondezas. O repertório varia de acordo com o perfil do público onde se apresentam, mas restrito ao samba, pagode e MPB, sempre com muita irreverência.

Atualmente, a banda é formada por cinco integrantes, com uma média de nove shows mensais pela capital. Hoje, com 14 anos de existência, o fato da banda ainda não ter gravado seu primeiro CD, não impediu que sua música de trabalho, “Brigar é tão Ruim” (2004), fosse executada em rádios de Brasília, ficando conhecida pelo público do gênero. O projeto de gravação do primeiro álbum da banda já está em andamento, com previsão de lançamento em 2013.

Nascida em Nilópolis (RJ), criada em Salvador e radicada em Brasília, Dhi Ribeiro iniciou carreira como modelo, ainda em Salvador, e pouco mais tarde entrou para a música como backing vocal. Como cantora, trabalhou até mesmo num circo na Itália, onde acabou passando três anos cantando em várias línguas. Em 2009, lançou seu primeiro álbum, Manual da Mulher.

Em 2012, sua música “Para Uso Exclusivo da Casa” entrou para trilha sonora da novela Lado a Lado (TV Globo). Além da carreira solo, Dhi Ribeiro integra o grupo vocal feminino Nós Negras, cuja proposta é homenagear as grandes divas negras do samba brasileiro. A cantora faz, sobretudo, samba e tem a Alcione como sua grande inspiração.

Serviço:“Sambão” com Capital do Samba e Dhi Ribeiro

Local: Restaurante e Cervejeira Cadê Tereza - CLS 201 Bloco B Loja 01

Data: sábado, 11 de maio, às 16h

Entrada: Mulher (liberada), homem (R$30).

Classificação indicativa: 16 anos

Website: www.cadeterezabar.com.br
Facebook:
www.facebook.com/cadetereza
Informações: (61) 3225-0555

Programação Musical: Cadê Tereza | 8 a 12 de maio

Quarta-feira 8/5: Banda Sou Samba (samba e pagode), às 20h. Couvert a R$10.

Quinta-feira, 9/5: Banda Di proposito (samba e pagode), às 20h. Couvert a R$10.

Sexta-feira,10/5: Lucas Camaro e Gabriel (sertanejo), às 20h. Couvert a R$10.

Sábado, 11/5: Capital do samba e Dhi Ribeiro, às 16h. Mulheres (free), homens (R$30).

Domingo, 12/5: Adriana Samartini, às 19h. Mulheres (free), homens (R$20).

Dhi Ribeiro.jpg

Etcetera Comunicação
Fonte Etcetera Comunicação 08/05/2013 ás 16h

Compartilhe

Samba de primeira com Capital do Samba e Dhi Ribeiro