Salva de 21 tiros homenageará Chávez nas principais cidades da Venezuela

Fonte Agência Brasil* 06/03/2013 às 9h

Brasília – Uma salva de 21 tiros, hoje (6) de manhã, em Caracas e nas principais cidades da Venezuela, homenageará o presidente Hugo Chávez, que morreu ontem (5) à tarde. A cerimônia será conduzida pelas Forças Armadas. O enterro, no entanto, será sexta-feira (8) e o corpo deverá ser sepultado na Academia Militar.

A cerimônia de enterro de Chávez está marcada para as 10h (hora local, 12h30 no horário de Brasília). São esperados chefes de Estado da América Latina, inclusive a presidenta Dilma Rousseff.

Ontem, Dilma e outros presidentes latino-americanos e do Caribe lamentaram a morte. Vários líderes usaram as redes sociais, como o Twitter, para prestar homenagens. A presidenta Dilma Rousseff cancelou a viagem, marcada para amanhã (7), à Argentina, enquanto Cristina Kirchner (Argentina) suspendeu as atividades políticas.

Chávez morreu às 16h47 (horário de Caracas) em Caracas, aos 58 anos, vítima de complicações de um câncer na região pélvica. Em dezembro do ano passado, ele foi submetido à quarta cirurgia para a retirada de um tumor maligno. As últimas imagens do presidente - fotografias ao lado das duas filhas no hospital - foram divulgadas há duas semanas.

O anúncio da morte de Hugo Chávez foi feito pelo vice-presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, em pronunciamento em rede nacional de rádio e televisão.

*Com informações da agência pública de notícias da Venezuela, AVN

Agência Brasil*
Fonte Agência Brasil* 06/03/2013 ás 9h

Compartilhe

Salva de 21 tiros homenageará Chávez nas principais cidades da Venezuela