Salão de Genebra desperta algum otimismo

Fonte Imprensa Ford Brasil 09/03/2013 às 10h

 

 

A difícil situação da crise política/econômica que os países europeus enfrentam, com tendência de agravamento se a Inglaterra deixar o bloco, além do crescimento da falta de empregos, da falta de dinheiro e com dívidas se acumulando é o pano de fundo para o cenário atual do mercado automobilístico do velho continente.

O 87º Salão do Automóvel de Genebra, Suíça, país que não tem indústria automobilística mas mantém a tradição de um dos mais importantes salões do mundo, estará aberto ao público de 7 a 17 de março com todas essas feridas abertas. Mesmo assim, grande parte dos fabricantes, especialmente os americanos, se esforça por mostrar novidades em busca da recuperação daquele mercado.

É o caso da Ford, por exemplo, que apesar de prever um prejuízo de quase 2 bilhões de dólares neste ano, no mercado europeu, manteve sua programação de lançar 15 novos veículos globais até 2015.

Na guerra por uma fatia do mercado, a Ford esta no Salão de Genebra com algumas de suas principais armas como o EcoSport, novo Fiesta, Kuga e a linha comercial/familiar composta pelo Tourneo Connect, Transit Connect e Transit.

Com essa operação estratégica a Ford vai atualizar mais de 40% do seu volume de vendas na Europa, durante 2013. “Este é o lançamento de produtos mais agressivo da Ford Europa já realizado e tem por objetivo implantar os pontos fortes do Projeto One Ford global para torná-lo realidade” disse Stephen Odell, vice-presidente executivo da Ford Europa, Oriente Médio e África.

Comercial/Familiar

Projetado para famílias e usuários com estilo de vida ativo, além do uso comercial, a linha de veículos Transit apresenta interiores espaçosos que oferecem excelente flexibilidade e conforto, motorizações modernas, eficiência em relação ao consumo de combustível, além do sistema Sync, que implantou a conectividade ativada por voz, nos veículos da Ford.

O elegante e compacto Courier Tourneo, de cinco lugares, que estreia em Genebra e que será lançado em meados de 2014, oferece espaço interno e características de segurança de alto nível. Para completar a linha, o espaçoso Grand Tourneo Connect, de sete lugares, também faz sua estreia no Salão suíço, juntamente com o modelo de cinco lugares Tourneo Connect.

Os SUVs

Ford espera vender um milhão de SUVs na Europa, nos próximos seis anos, especialmente com os novos Kuga (para este 1º semestre) e o EcoSport, mais para o final do ano. O compacto EcoSport se encaixa no mercado de SUVs pequenos na Europa, segmento que projeta um crescimento de 30 por cento em 2013, em relação ao ano passado. A Ford prevê que os SUVs serão responsáveis por um em cada dez de todos os veículos da marca vendidos na região, até 2016.

Além disso, a Ford também planeja levar para a Europa a nova geração do Edge, veículo utilitário de maior porte e mais Premium, que é popular nos Estados Unidos e outros mercados.

O sistema Sync também faz diferença

A Ford promete, ainda para 2013, que vai dobrar para 60% a disponibilidade da tecnologia Sync em novos produtos como o novo Fiesta e Kuga e também na linha Transit, onde todos serão conectados. No estande da empresa em Genebra, 19 dos 21 veículos apresentados são conectados pelo Sync.

O EcoSport europeu também será um dos primeiros produtos equipados com o Sync AppLink, que permite aos usuários o uso de aplicativos de controle de voz do smartphone, inclusive com o serviço de música Spotify. Segundo o fabricante, todos os novos veículos Ford, vendidos na Europa, serão oferecidos com o Sync, até 2015.

EcoBoost

O pequeno notável e poderoso motor a gasolina Ford 1.0 litro EcoBoost foi introduzido no Focus europeu em 2012 e agora também esta presente no novo B-Max, novo Fiesta, C-Max e Grand C-Max. Com esses modelos, a Ford espera que, em 2013, um em cada quatro veículos comercializados na Europa sejam impulsionados pelo EcoBoost 1.0 litro.

A tecnologia do Ford EcoBoost combina injeção direta de combustível, turbo e comando de válvulas variável para permitir que um motor pequeno e leve possa reduzir o consumo em até 20% sobre os motores maiores, mantendo excelente desempenho.

Um total de 19 veículos da Ford expostos em Genebra, neste ano, são alimentados pelo EcoBoost. Outra novidade anunciada é que ainda em 2013, a Ford vai lançar sua primeira bateria elétrica de emissões zero em automóveis a começar pelo Focus Electric, além da gama de veículos híbridos.

Imprensa Ford Brasil
Fonte Imprensa Ford Brasil 09/03/2013 ás 10h

Compartilhe

Salão de Genebra desperta algum otimismo