Reserva do Arvoredo seleciona conselheiro

Fonte Comunicação ICMBio 21/04/2013 às 11h

Brasília – A Reserva Biológica (Rebio) Marinha do Arvoredo, localizada em Santa Catarina, abriu inscrições para uma vaga no conselho consultivo da unidade. A vaga é reserva para instituições não governamentais. Entidades interessadas no processo de seleção devem enviar e-mail para rebio.arvoredo@icmbio.gov.br O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. , com o nome do responsável, contatos e justificativa.

De acordo com o Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC), cada unidade de conservação deve ter um conselho gestor, presidido pelo órgão que administra a unidade, no caso, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), e formado pelos vários setores da sociedade. No caso das reservas extrativistas e reservas de desenvolvimento social (RDS) O objetivo é permitir a participação da comunidde na gestão da UC.

Atualmente, o conselho consultivo da Rebio Arvoredo é composto por representantes governamentais: Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Universidade do Vale do Itajaí (Univali), Marinha do Brasil, Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (EPAGRI), Fundação do Meio Ambiente do Estado de Santa Catarina (Fatma), Companhia de Policia Ambiental Militar de Santa Catarina (CPPA), prefeituras municipais de Florianópolis, Governador Celso Ramos, Porto Belo e Tijucas.

As entidades não governamentais são representadas pela Federação de Pescadores do Estado de Santa Catarina (Fepesc) que ocupa três cadeiras do Conselho, as quais são direcionadas a colônias de pescadores distintas, Associação de Preservação de Meio Ambiente de Governador Celso Ramos (Apremag), Associação das Escolas e Operadoras de Mergulho do Estado de Santa Catarina (Aeomesc), Núcleo Macaco Prego de Vivências Ambientais e Ações para Preservação dos Recursos Naturais e Desenvolvimento Econômico Sustentável (Aprender).

O Conselho Consultivo da Rebio Arvoredo participou dos trabalhos de elaboração do plano de manejo e elaborou importante documento em defesa da zona de amortecimento da unidade de conservação. São realizadas reuniões ordinárias e extraordinárias, de acordo com o seu regimento interno, quando são discutidas questões referentes à Rebio Arvoredo, o que vem auxiliando no processo de gestão da unidade.

Comunicação ICMBio
Fonte Comunicação ICMBio 21/04/2013 ás 11h

Compartilhe

Reserva do Arvoredo seleciona conselheiro