Público do congresso da CNI conhece oportunidades oferecidas pelo MCTI

Fonte Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação 13/05/2015 às 19h

 Objetivos, público-alvo, modelo de negócio e abrangência. Essas são algumas das informações disponíveis nos três estandes que apresentam oportunidades oferecidas por instituições ligadas ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) no Congresso Brasileiro da Inovação na Indústria, que segue até esta quinta-feira (14), em São Paulo. Totens interativos e representantes da Pasta orientam e tiram as dúvidas dos interessados.

Os programas apresentados são: Ciência sem Fronteiras, iTec, Rhae – Pesquisador na Empresa, SibratecShop e Start-Up Brasil, além do Plano Inova Empresa e da plataforma Finep 30 Dias. "Fizemos uma seleção das iniciativas prioritárias para o público do evento, que é empresarial", diz a coordenadora de Gestão Tecnológica do MCTI, Eliana Emediato.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação do Ministério, Armando Milioni, a experiência internacional mostra a necessidade de uma política de contínua divulgação dos mecanismos de financiamento. "Temos diagnóstico de que alguns bons instrumentos ainda são subutilizados", diz.

O superintendente de Fomento e Novos Negócios da Finep, Paulo Resende, conta que, ao lado das ações de maior peso, a agência mostra no estande as formas de apoio disponíveis, com destaque para o Finep 30 Dias. "É uma plataforma online pela qual as empresas e instituições de pesquisa podem se cadastrar e ter acesso a uma oportunidade de financiamento sem a lentidão do papel – o que é raro no Brasil –, com decisões objetivas e transparentes para o cliente e a sociedade", comenta.

Para a coordenadora do Programa iTec na Associação Nacional de Pesquisa, Desenvolvimento e Engenharia das Empresas Inovadoras (Anpei), Vera Crósta, a participação complementa as ações anteriores – projeto piloto, oficinas regionais, plataforma virtual e encontro de negócios – da iniciativa, que visa aproximar empresas com demandas tecnológicas e instituições que possam responder a elas. "Aqueles momentos foram importantes para introduzir o conceito envolvido. Eventos como este ajudam a demonstrar o funcionamento da ferramenta, ampliando o leque de potenciais desafiantes e solucionadores", explica. A entidade é parceira do MCTI no Programa.

Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação
Fonte Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação 13/05/2015 ás 19h

Compartilhe

Público do congresso da CNI conhece oportunidades oferecidas pelo MCTI