Protestos acalmam após visita de procurador-geral a Ferguson

Fonte Agência Lusa 21/08/2014 às 10h
Os protestos na cidade de Ferguson se acalmaram nessa quarta-feira (20), depois de o procurador-geral norte-americano ter prometido uma investigação completa sobre o assassinato do adolescente negro Michael Brown, em meio aos distúrbios dos últimos dez dias.

A polícia informou que seis pessoas foram detidas ontem, contra 47 na terça-feira (19), e que os manifestantes se abstiveram de lançar projéteis e de disparar armas, como tinham feito nos piores momentos dos tumultos no subúrbio de St. Louis.

Antes, o procurador-geral, Eric Holder, tinha estado com os pais de Brown, que estava desarmado quando foi morto a tiros por um policial no dia 9 de agosto.

Holder, que prometeu à família uma investigação “justa e independente” sobre a morte do jovem de 18 anos, foi a Ferguson, a pedido do presidente Barack Obama, e esteve reunido também com o governador do Missouri, estado a que pertence a cidade.

O procurador disse aos moradores de Ferguson que destacou “os mais experientes agentes” para investigar a morte de Brown, diante das suspeitas locais de que a polícia vai proteger os seus agentes.

“A nossa investigação é diferente”, disse, acrescentando: “Estamos à procura de eventuais violações às leis de Direitos Federais Civis”.

Holder disse ainda esperar que sua visita possa aliviar a tensão na área.
Agência Lusa
Fonte Agência Lusa 21/08/2014 ás 10h

Compartilhe

Protestos acalmam após visita de procurador-geral a Ferguson