Protesto na Espanha pede fim da monarquia

Fonte Ansa flash 14/04/2013 às 19h

A imagem do rei Juan Carlos e da família real foi marcada nos últimos meses por uma série de escândalos em meio a uma forte crise econômica

MADRI, 12 ABR (ANSA) - Mais de oito mil manifestantes protestaram hoje no centro de Madri para pedir o fim da monarquia após um escândalo de corrupção e desvio de verba que veio à tona enquanto o país enfrenta uma das mais graves crises econômicas de sua história recente.

Os manifestantes desfilaram com milhares de bandeiras da Espanha republicana, que é vermelha e roxa, gritando slogans como "A Espanha amanhã será republicana" e " os Bourbon [o nome da família real] vão trabalhar".

O protesto, que acontece todos os anos, foi organizado com o tema "Abaixo a monarquia, para a Terceira República", celebrando o aniversário da Segunda República espanhola, proclamada em 14 de abril de 1931, que foi derrubada após a guerra civil e seguida por quase 40 anos da ditadura de Francisco Franco.

Esse ano as ruas de Madri registraram um numero recorde de manifestantes.

A imagem do rei da Espanha, Juan Carlos, e da família real foi marcada nos últimos meses por uma série de escândalos entre os quais a investigação de corrupção contra uma das suas filhas, a infanta Cristina, e o marido dela, Inaki Urdangarin.

A popularidade da Casa Real de Bourbon está muito baixa, enquanto a crise econômica espanhola continha forte, com uma taxa recorde de desemprego de 26%.

Ansa flash
Fonte Ansa flash 14/04/2013 ás 19h

Compartilhe

Protesto na Espanha pede fim da monarquia