Programa Cinema do Brasil viabiliza distribuição internacional de mais dois longas brasileiros

Fonte ANCINE 31/03/2013 às 21h

O Cinema do Brasil, programa apoiado pela ANCINE destinado à ampliação da participação do audiovisual brasileiro no mercado internacional, acaba de viabilizar o lançamento de mais dois filmes nacionais no exterior: os longas "Bruna Surfistinha", de Marcus Baldini, e "Quanto dura o amor", de Roberto Moreira, ambos vencedores da edição 2012 do Prêmio de Apoio à Distribuição, que aporta até 25 mil dólares para que distribuidoras estrangeiras possam investir nas despesas de comercialização de obras brasileiras.

Graças ao programa, "Bruna Surfistinha" será distribuído agora também na Coreia do Sul. O filme, baseado no livro "O doce veneno do escorpião: o diário de uma garota de programa", de Raquel Pacheco, que também recebeu R$ 557,95 mil do Fundo Setorial do Audiovisual, já foi exibido comercialmente em salas de cinema do Japão e da antiga Iugoslávia, além de ter passado por festivais em Cuba e Estados Unidos. A previsão da estreia coreana do filme é dia 29 de março, em 12 salas.

Já o filme "Quanto dura o amor", de Roberto Moreira, lançado no Brasil em 2009, estreou na Alemanha no último dia 14, distribuído pela alemã Bildkraft, também uma das vencedoras do Prêmio de Apoio à Distribuição 2012. Com o título internacional "Paulista", a produção narra três histórias sobre amor que se entrelaçam, tendo como cenário a cidade de São Paulo.

O Programa Cinema do Brasil apoia a distribuição de filmes brasileiros, oferecendo às empresas associadas apoio logístico e estratégico para que possam realizar coproduções e abrir mercados para a distribuição da sua produção, valorizando assim a imagem da indústria cinematográfica nacional no exterior. Saiba mais sobre o Cinema do Brasil no site oficial do programa.

ANCINE
Fonte ANCINE 31/03/2013 ás 21h

Compartilhe

Programa Cinema do Brasil viabiliza distribuição internacional de mais dois longas brasileiros