Presidente da Guatemala pede ajuda à comunidade internacional contra crise alimentar

Fonte Ansa Flash 19/11/2009 às 0h
O presidente da Guatemala, Álvaro Colom, pediu ajuda à comunidade internacional para erradicar a crise alimentar que afeta o país devido à falta de chuvas, que atinge as plantações de milho e arroz na região ocidental do país.

Colom fez o chamado em uma reunião junto a embaixadores acreditados na Guatemala e lhes pediu integração e cooperação para atender as pessoas que estão doentes e desnutridas.

O presidente ressaltou que o problema da seca está afetando mais de 50 mil famílias nos departamentos do "corredor seco" -- Jalapa, Jutiapa, Chiquimula, Zacapa, El Progreso, Santa Rosa, Baja Verapaz e Izabal.

Depois, na noite de ontem, o mandatário destinou uma mensagem à nação, na qual falou sobre o caráter estrutural da crise ocasionada pelas condições climáticas.

De acordo com dados oficiais, há atualmente 54 mil famílias afetadas pela fome no país. O governo tema ainda que outras 400 mil famílias necessitarão de assistência nos próximos quatro meses. Até o momento, 25 pessoas morreram desnutridas.
Ansa Flash
Fonte Ansa Flash 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

Presidente da Guatemala pede ajuda à comunidade internacional contra crise alimentar