Povos tradicionais têm encontro marcado em Cuiabá de 12 a 15 de agosto

Fonte Ministério do Meio Ambiente 08/08/2014 às 21h
Representantes dos povos tradicionais do Brasil e do governo federal irão se reunir por quatro dias (12 a 15 de agosto), em Cuiabá, para avaliar e aprimorar a Política Nacional de Desenvolvimento Sustentável dos Povos e Comunidades Tradicionais (PNPCT).

“A articulação dos povos do Cerrado, no caso desse encontro do Centro-Oeste, é forte e traz muitas demandas. Em Cuiabá cumpriremos mais uma etapa no sentido de avaliar a política para o encontro nacional em Brasília”, destacou o gerente de Agroextrativismo do MMA e coordenador geral do encontro, Gabriel Domingues.

Segundo ele, segmentos dos povos e das comunidades tradicionais se organizam conforme o bioma em que estão inseridos. “No encontro da região Norte, tivemos uma presença maior de extrativistas”, disse. Neste, estão previstos mais pantaneiros e geraizeiros. O próximo será em Curitiba, de 25 a 29 de agosto, reunindo a região Sul.

Os encontros regionais vão culminar no encontro nacional, de 24 a 27 de novembro, em Brasília, onde serão apresentados os resultados dos encontros regionais, por meio de avaliação e sugestão de aprimoramento da comissão nacional e da PNPCT.

Senso do IBGE

Além disso, nesta sexta-feira (08), pesquisadores e governo estão reunidos para definir critérios de pesquisa demográfica sobre PNPCT. A oficina “Povos e comunidades tradicionais: contribuições para as pesquisas do IBGE” está levantando as especificidades desse segmento populacional para incluí-las no próximo senso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

O evento ocorre no Rio de Janeiro e termina nesta sexta-feira (08). O objetivo é apresentar as informações existentes sobre o assunto e propor estratégias para a construção de categorias e critérios sobre as especificidades dos povos e comunidades tradicionais.

Saiba mais

São considerados povos e comunidades tradicionais: indígenas, quilombolas, extrativistas, pescadores, seringueiros, castanheiros, quebradeiras de coco-de-babaçu, fundo e fecho de pasto, povos de terreiro, ciganos, faxinalenses, ribeirinhos, caiçaras, praieiros, sertanejos, jangadeiros, açorianos, campeiros, varjeiros, pantaneiros, geraizeiros, veredeiros, caatingueiros e barranqueiros.


Ministério do Meio Ambiente
Fonte Ministério do Meio Ambiente 08/08/2014 ás 21h

Compartilhe

Povos tradicionais têm encontro marcado em Cuiabá de 12 a 15 de agosto