Polícia uruguaia apreende duas toneladas de cocaína que iriam para a Europa

Fonte Ansa Flash 23/12/2009 às 8h

Outras Notícias

  • às h
A polícia antidrogas e a Marinha do Uruguai apreenderam ontem cerca de duas toneladas de cocaína em uma operação internacional que visava desarticular uma organização criminosa sérvia.

De acordo com o diretor de investigações da Guarda Costeira, Mario Ledesma, a droga confiscada está avaliada em US$ 108 milhões e pesava 2.174 kg. Foi o maior golpe contra o narcotráfico da história do Uruguai.

O carregamento foi encontrado em um iate atracado em um porto particular da localidade de Santiago Vázquez, sobre o Rio Santa Lucía, na divisa entre os departamentos (províncias) de Montevidéu e San José. Ele seria transferido para um navio em alto-mar com destino à Europa, onde seria vendido por cerca de 50 mil euros por quilograma.

Foram presos um estrangeiro, cuja nacionalidade não foi divulgada, e um contador uruguaio, responsável pelo trâmite burocrático para a aquisição do iate.

O diretor da polícia antidrogas, Julio Guartache, disse à imprensa que "simultaneamente à operação que nossa guarda realizava, estava-se trabalhando em vários países". Além do Uruguai, a ação foi desenvolvida também na Argentina e na Sérvia, onde foram presos os principais líderes da organização.

Também participaram do operativo a agência antidrogas dos Estados Unidos (Drug Enforcement Administration-DEA), a polícia sérvia e a Polícia Federal e Guarda Costeira argentinas.

A organização desbaratada pela operação, que foi apelidada de "Guerreiros balcânicos", "tinha montado todo um esquema que levava droga de vários países da América Latina para Holanda, Espanha, Bélgica, Itália e Sérvia", explicou Guartache.

O pró-secretário da Presidência, Jorge Vázquez, disse que "os resultados atingidos foram excelentes" e acrescentou que esta "é mais uma realização do governo na luta contra o narcotráfico, como afirmamos desde 1º de março de 2005 [dia em que começou o mandato do atual presidente do Uruguai, Tabaré Vázquez, irmão de Jorge]".
Ansa Flash
Fonte Ansa Flash 23/12/2009 ás 8h

Compartilhe

Polícia uruguaia apreende duas toneladas de cocaína que iriam para a Europa