Piora projeção de analistas para desempenho da economia em 2009

Fonte Agência Brasil 19/11/2009 às 0h
A projeção dos analistas do mercado financeiro consultados pelo Banco Central sobre o desempenho da economia neste ano piorou e melhorou a expectativa para 2010.

Para eles, a queda do Produto Interno Bruto (PIB), soma de bens e serviços produzidos no país, neste ano, será de 0,38% e não mais de 0,34%, previstos na semana passada. A expectativa de queda da produção industrial no ano, porém, passou de 6,29% para 6%.

No próximo ano, os analistas apostam em recuperação da economia, com crescimento de 3,60% do PIB. A previsão está um pouco melhor do que a do boletim da semana passada, que era de crescimento de 3,50%. Para a produção industrial em 2010, foi mantida a estimativa de crescimento de 4,50%.

Na avaliação dos analistas, a relação entre dívida líquida do setor público e PIB deve chegar a 41,50% neste ano. A previsão anterior era de 41,30%. Para 2010, a estimativa foi mantida em 40%. O dólar deve valer R$ 1,90 ao final de 2009 e R$ 1,97 ao fim de 2010. As estimativas anteriores eram de R$ 1,95 e R$ 2, respectivamente.

A projeção para o superavit comercial (saldo positivo de exportações menos importações) subiu de US$ 23 bilhões para US$ 23,1 bilhões, neste ano. Para 2010, a expectativa foi ajustada de US$ 19,7 bilhões para US$ 19 bilhões.


Para o déficit em transações correntes (registro das compras e vendas de mercadorias e serviços do Brasil com o exterior), a estimativa passou de US$ 15,1 bilhões para US$ 15 bilhões neste ano e de  US$ 22,25 bilhões para US$ 22,05 bilhões em 2010.

A estimativa para o investimento estrangeiro direto (recursos que vão para o setor produtivo do país) foi mantida em US$ 25 bilhões neste ano e subiu para US$ 27,1 bilhões em 2010.

Para a taxa básica de juros, os analistas mantiveram a previsão de que não haverá mais cortes neste ano. A estimativa do mercado é de que a Selic feche o ano no atual patamar de 8,75% ao ano.

Neste ano, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central reduziu os juros básicos em cinco pontos percentuais de janeiro até a última reunião realizada no mês passado. Em 2010, a expectativa é que os juros subiam e encerrem o período em 9,25% ao ano.
Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

Piora projeção de analistas para desempenho da economia em 2009