Petrobras e governo do Maranhão vão construir Refinaria Premium 1

Fonte Agência Brasil 19/11/2009 às 0h
A Petrobras e o governo do Maranhão assinaram nessa quarta-feira (14) termo de compromisso para a construção da Refinaria Premium 1. A assinatura é o desdobramento de negociações iniciadas em maio, com a assinatura do Protocolo de Entendimentos.

Segundo a Petrobras, o documento estabelece os compromissos das partes na viabilização das condições necessárias para a implantação do empreendimento – que deve gerar durante a fase de construção, que começa ainda em 2009, mais de 100 mil empregos diretos, indiretos e por efeito renda.

A unidade terá capacidade para processar 600 mil barris por dia de petróleo e entrará em operação em duas fases - a primeira, para 300 mil barris por dia, prevista para o segundo semestre de 2013 e a segunda, para 2015. O empreendimento foi projetado para aumentar a produção de óleo diesel de alta qualidade e também para produzir derivados diversos como o querosene de aviação (QAV), a nafta petroquímica, o gás liquefeito de petróleo (GLP), bunker (combustível para navios) e coque (combustível derivado do carvão).

Presente à assinatura do termo de compromisso, o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, garantiu, segundo a assessoria de imprensa da Petrobras, que a Refinaria Premium 1 é “uma realidade sólida e promissora, que mudará definitivamente a economia do estado do Maranhão”.

Depois de apresentar os principais números e a complexidade da unidade de refino, que será uma das maiores do mundo, o presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, ressaltou a importância da união e da parceria de todos os governos municipais e estaduais das regiões que terão impacto da obra.

“Será uma obra estruturante e importante para elevar o Maranhão a um novo status de estado economicamente forte e ativo no cenário nacional e mundial”, disse Gabrielli. O presidente também citou o impacto do Programa de Mobilização da Indústria Nacional do Petróleo e Gás Natural (Prominp) e de outras iniciativas da empresa para formação de mão da obra qualificada necessária à implementação da refinaria.  Uma das cinco unidades de refino a ser construída pela Petrobras nos próximos anos, a Premium 1 será instalada no município de Bacabeira e contará com faixa de dutos e terminal portuário para recebimento de petróleo e escoamento de derivados.

Por meio do Prominp, a expectativa é de que 22,7 mil pessoas de nível superior, técnico, médio e básico sejam capacitadas até 2013 em todo o estado. O empreendimento também deve gerar 3.120 vagas no entorno de Bacabeira, que abrange nove municípios do estado.

A cerimônia contou também com a presença da governadora Roseana Sarney e de diretores da Petrobras.
Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

Petrobras e governo do Maranhão vão construir Refinaria Premium 1