Pesquisa CompTIA mostra que link tecnológico torna-se mais forte para o sucesso nos negócios das empresas brasileiras

Fonte Carvalho Comunicação 24/05/2013 às 11h


A associação lider na indústria de TI apresenta nova pesquisa mundial sobre a adoção da tecnologia e a questão da força de trabalho.

 

SÃO PAULO, 22 de maio de 2013. O papel da tecnologia da informação (TI) na definição de prioridades estratégicas e na obtenção de sucesso nos negócios é crescente para as empresas do Brasil e do mundo, de acordo com a nova pesquisa divulgada pelos executivos da CompTIA Todd Thibodeaux, presidente e CEO da associação e Terry Erdle, vice-presidente executivo de certificação de competências em visita ao Brasil. A agenda dos executivos no Brasil incluiu reuniões com parceiros, empresas e associações, instituições de ensino e centros de treinamento nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Fortaleza.


Segundo o estudo mais de 80% das empresas brasileiras pesquisadas dizem que a tecnologia é importante, ou muito importante, para o seu sucesso; 97% planejam aumentar os gastos com TI neste ano e 49% têm expectativas de contratação de novos funcionários de TI em 2013.


O estudo Questões Internacionais sobre Adoção de Tecnologia e Força de Trabalho da CompTIA é baseado em uma pesquisa com mais de 1.250 empresas e executivos de TI em países ao redor do mundo, inclusive o Brasil.


Um total de 85% dos executivos brasileiros diz que espera que as condições de negócio melhorem em 2013. Eles também dizem que vão contar com a tecnologia para ajudá-los a atingir as principais prioridades estratégicas de negócios, inclusive a melhoria da produtividade e capacidades da equipe, atingindo novos clientes e reduzindo os custos e despesas gerais.


As principais prioridades tecnológicas para as empresas brasileiras nos próximos 12 meses incluem:
• Segurança Cibernética
• Armazenamento de dados e back-up
• Infraestrutura de rede
• Atualização dos computadores e softwares antigos
• Automatização dos processos de negócios por meio da tecnologia


"As tecnologias emergentes, como a computação em nuvem continuarão vendo os ganhos de adoção também", observou Todd Thibodeaux. "Mais da metade das empresas pesquisadas no Brasil dizem que estão experimentando ou usando plenamente soluções de computação em nuvem."


O maior uso da tecnologia pode levar muitas empresas a aumentar sua equipe de TI ao longo dos próximos 12 meses. No entanto, as lacunas de competências de TI continuam a ser um desafio. No Brasil, 86% dos executivos indicam pelo menos algum grau de lacunas em habilidades de TI em sua organização.


"Em muitos casos, as lacunas de competências são uma parte natural da indústria de TI, devido à velocidade de inovação", disse Terry Erdle. "A demanda por novas tecnologias pode chegar à frente da oferta de trabalhadores que sejam bem treinados e credenciados nessas áreas."


Os trabalhadores e as empresas no Brasil estão respondendo à necessidade de mais habilidades, uma vez que 93% das empresas realizaram algum tipo de treinamento em TI nos últimos 12 meses.


A maioria das empresas espera que as certificações em TI aumentem ao longo dos próximos dois anos. Quase três quartos dos executivos acreditam que é importante testar após o treinamento para confirmar os ganhos de conhecimento. Melhor que isso, seis em cada dez executivos pesquisados acreditam que a equipe de TI certificada é beneficiada por uma base comum de conhecimento confirmando um ganho a mais de conhecimento.


A pesquisa também revela que 31% das empresas fazem uso periódico e 14% de forma regular, de empresas e consultores para ajudarem com as suas necessidades de tecnologia. Os serviços mais comuns usados são manutenção (52% das empresas); implantação, instalação e integração de sistemas (49%); Web design (44%); e consultoria e assessoria serviços gerais de TI (34%).


O estudo da CompTIA Questões Internacionais sobre Adoção de Tecnologia e Força de Trabalho é o resultado de uma pesquisa online com 1.256 executivos de TI de empresas diferentes, responsáveis pela criação ou execução de políticas e processos em suas organizações. As pesquisas foram realizadas em fevereiro e março, no Brasil, Canadá, França, Alemanha, Japão, Índia, México, um subconjunto do Oriente Médio (Omã, Arábia Saudita e os Emirados Árabes), Tailândia e Reino Unido. O relatório completo está disponível sem custo aos membros da CompTIA. Visite www.CompTIA.org ou contate research@comptia.org para mais detalhes.


Sobre a CompTIA
A CompTIA é a voz da indústria de TI do mundo. Para saber mais, visite http://www.comptia.org/global/pt-BR/home.aspx.
Seus membros são as empresas que estão na vanguarda da inovação; e os profissionais responsáveis por maximizar os benefícios que as organizações recebem por seus investimentos em tecnologia. A CompTIA é dedicada ao avanço do crescimento da indústria por meio de seus programas educacionais, pesquisa de mercado, eventos de networking, certificações profissionais e defesa de políticas públicas. Visite http://www.comptia.org/home.aspx ou siga a CompTIA em http://www.facebook.com/CompTIA e twitter.com/comptia.

Carvalho Comunicação
Fonte Carvalho Comunicação 24/05/2013 ás 11h

Compartilhe

Pesquisa CompTIA mostra que link tecnológico torna-se mais forte para o sucesso nos negócios das empresas brasileiras