Parque Prainha do Gama será revitalizado

Fonte Agência Brasília 14/08/2014 às 20h


Local estava abandonado havia anos e se tornará o principal ponto de lazer ecológico do Gama e de Santa Maria

BRASÍLIA (14/8/14) – Após muitos anos abandonado e servindo como ponto de encontro para usuários de drogas e criminosos da região do Gama e de Santa Maria, o Parque Prainha do Gama passará por melhorias. Um pacote de obras lançado pelo Governo do Distrito Federal prevê a revitalização da área e a reforma em vários pontos recreativos. As obras devem custar R$ 3,5 milhões.



O edital para a licitação da empresa que será a responsável pela obra foi lançado no Diário Oficial do DF (DODF), na edição dessa quarta-feira (13). O Instituto de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Ibram) administra o parque e acompanhará de perto a execução do trabalho.



Segundo o superintendente de Gestão de Áreas Protegidas, Pedro Salgado, a obra é importante para todos os moradores do Gama e de Santa Maria, uma vez que o parque ocupa parte das duas cidades. "A área é uma reserva ecológica que precisa ser melhor conservada. Com as obras, os moradores contarão novamente com esse parque, que é um excelente ponto de encontro de lazer e recreação", explicou.



O pacote de obras prevê a reforma da piscina - incluindo vestiários e a lanchonete que será reativada -, da sede administrativa e dos banheiros. Dentro das novidades, os frequentadores terão uma pista de caminhada, equipamentos de ginástica e um playground para as crianças.



SEGURANÇA – O que hoje é problema, em breve será apenas lembrança. Depois que tudo estiver pronto, a segurança nos arredores do parque será reforçada para evitar a presença de criminosos e usuários de drogas, além de dar mais conforto aos visitantes. A entrada será revitalizada e contará com guaritas de segurança.



A revitalização será feita com recursos próprios do governo e será licitada pela Secretaria do Meio ambiente. A licitação está prevista para setembro.



O Ibram, que é o responsável pela administração de todos os parques do DF, irá fiscalizar os trabalhos, por meio da superintendência das áreas protegidas. O prazo para execução dos serviços é de até 7 meses a contar da data de assinatura do contrato. Após a reforma, a expectativa é que a reserva ecológica seja bem frequentada e receba, em média, 2 mil pessoas nos fins de semana.

Agência Brasília
Fonte Agência Brasília 14/08/2014 ás 20h

Compartilhe

Parque Prainha do Gama será revitalizado