Papa viaja à Coreia do Sul com mensagem de diálogo

Fonte ANSA 13/08/2014 às 20h
Francisco tentará auxiliar diálogo entre Sul e Norte

13 Agosto, 17:53•ROMA•ZBF

(ANSA) - O papa Francisco viaja nesta quarta-feira (13) para a Coreia do Sul, como destino de seu primeiro giro pela Ásia, o qual durará até o próximo dia 18. "No dia da minha partida, convido todos a se unirem e enviarem orações para a Coreia e para toda a Ásia", publicou Francisco em sua página oficial no Twitter. Na península, Francisco encontrará um clima de tensão, resquício da Guerra Fria, e um muro invisível que ainda separa coreanos do Sul e do Norte. Os dois países vivem em guerra declarada, com momentos alternados de propostas de armistício e testes nucleares de Pyongyang. Os dois temas principais da visita de Francisco são "juventude" e "missões", visto que o Papa participará da Jornada Mundial dos Jovens Asiáticos, que ocorrerá em Daejeon.

Apesar de Pyongyang ter recusado o convite de Seul, ainda há esperanças de que católicos da Coreia do Norte possam assistir às missas que Francisco celebrará durante sua viagem.

Ironicamente, Pyongyang, antes da Guerra das Coreias, era chamada de "Jerusalém da Ásia" devido à diversidade de religiões e presença de fiéis. Naquela época, cerca de 600 mil moradores eram católicos. Agora, a população da península espera que a viagem de Francisco leve palavras de paz e de reconciliação, e que o Papa abra qualquer caminho de diálogo entre os países. Durante sua estadia no país, Bergoglio também se reunirá com sobreviventes e familiares das vítimas do naufrágio da balsa Sewol, ocorrido em abril, com 400 pessoas a bordo, sendo mais de 300 estudantes. "Essa sempre foi a grande esperança da Santa Sé, que se empenhou concretamente nessa direção. É uma constatação mais do que óbvia que a península está ainda envolta em muitas tensões e que precisa de paz", declarou o secretário de Estado do Vaticano, Pietro Parolin.

A aeronave que levará o Pontífice até a Coreia do sul parte às 16h de Roma (11h no horário de Brasília) do aeroporto de Fiumicino. Ele chegará em Seul às 10h30 locais (22h30 de Brasília) do dia seguinte. Francisco sobrevoará o espaço aéreo de nove países: Croácia, Eslovênia, Áustria, Eslováquia, Polônia, Bielorrússia, Rússia, Mongólia e China.
http://www.papafrancesconewsapp.com/por/ (ANSA)
ANSA
Fonte ANSA 13/08/2014 ás 20h

Compartilhe

Papa viaja à Coreia do Sul com mensagem de diálogo