Oposição venezuelana convoca marchas noturnas contra violência

Fonte Agência Lusa 31/03/2013 às 19h


Brasília – A oposição venezuelana apelou hoje (31) à realização de marchas noturnas na segunda-feira (1º) na capital, Caracas, e em outras localidades, para exigir mais segurança no país, onde desde o ano passado houve 16.072 homicídios.

As marchas são também uma forma de expressar apoio ao candidato presidencial Henrique Capriles, noticia a agência espanhola Efe. "Tomar a rua à noite é um ato épico, um ato de rebeldia, de alguma forma, face à realidade que se vive na Venezuela", disse hoje ao canal privado Globovisión o prefeito do município de Chacao, Emilio Graterón.

Graterón referiou-se às marchas como um "caminhar pela vida" para que "não haja mais violência". Segundo ele, trata-se de "uma ação de bons cidadãos face ao submundo" e de quem se sente ameaçado e vive "encarcerado na sua casa de noite devido à violência" e ao crime.

Sob o lema Caminhemos Juntos, sem Medo, com Passo Firme para Alcançar o País com o qual Sonhamos e Merecemos, os dirigentes da oposição apelaram a uma mobilização geral com destino ao leste de Caracas, que terminará com o discurso de Capriles.

Agência Lusa
Fonte Agência Lusa 31/03/2013 ás 19h

Compartilhe

Oposição venezuelana convoca marchas noturnas contra violência