Operários de estádios da Copa fazem testes para diagnóstico de hepatite C

Fonte Agência Brasil 07/03/2013 às 17h

 

Brasília – Operários que participam das obras do Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha fizeram testes hoje (7) para detectar a hepatite C, em atividade do Projeto Bola Começa com B e Campeonato Começa com C, desenvolvido pela Associação de Pacientes com Hepatite C. Os que são identificados com a doença são encaminhados para exames e acompanhamento médico pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

A hepatite C é uma doença silenciosa que causa cerca de 12 mortes diárias no Brasil, segundo os organizadores. Para o diretor presidente da organização não governamental (ONG) C Tem que Saber, C Tem que Curar, Luis Francisco Gonzalez, se a doença for diagnosticada precocemente, pode ser tratada e proporcionar uma vida melhor ao portador. “O curioso é que ninguém desconfia de que está doente, porque não aparecem os sintomas, mas é uma doença grave”.

Gonzalez também foi portador da hepatite C. “Eu tive a doença em 2003 e fui curado. Então essa é a retribuição que estou dando aqui. Talvez, se eu não tivesse passado por isso, eu não me importaria com a doença”. Segundo o diretor, a ONG já encaminhou mais 300 pacientes com a doença para algum tipo de tratamento, salvando vidas.

A prevalência da doença gira em torno de 1% a 1,5% nas pessoas que fazem o teste, ou seja, de 1.000 testes realizados, pode-se encontrar de 10 a 15 pessoas doentes.

A ajudante de construção civil Maria Aldineza Ribeiro, de 40 anos, fez o teste e aprovou a iniciativa. “Como a gente trabalha o dia todo, não tem tempo para estar em hospital fazendo esses exames. Por isso, aproveitei a oportunidade, já que trabalho com riscos de contaminação da doença”.

A iniciativa já foi realizada nas obras dos estádios Arena Pernambuco (São Lourenço da Mata, região metropolitana do Recife), Arena Corinthians (São Paulo), Arena Fonte Nova (Salvador), Beira-Rio (Porto Alegre), Arena Castelão (Fortaleza), Maracanã (Rio de Janeiro) e Arena da Baixada (Curitiba). Até agosto, todos os estádios que sediarão a Copa de 2014 serão visitados.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 07/03/2013 ás 17h

Compartilhe

Operários de estádios da Copa fazem testes para diagnóstico de hepatite C