Olimpíada de Física das Escolas Públicas divulga resultado de 2012

Fonte Ascom do MCTI 27/03/2013 às 18h
A Olimpíada Brasileira de Física das Escolas Públicas (Obfep) acaba de divulgar o resultado da edição 2012. No site oficial do evento é possível conferir a lista dos alunos, professores e escolas que conquistaram prêmios em nível nacional pelo desempenho alcançado nas provas.

 

A edição deste ano deve ser lançada no início de abril com inscrições abertas até o dia 10 de maio. A previsão é a de que a primeira fase de provas ocorra no dia 6 de agosto e a segunda, em 19 de outubro. As informações poderão ser obtidas a partir do dia 1º do próximo mês no portal da olimpíada.

A Obfep visa valorizar a escola pública, a melhoria do ensino e o estudo das ciências, propiciando ao estudante uma forma de avaliar sua aptidão e seu interesse pela ciência em geral e pela física em particular.

Destinada ao ensino médio e ao último ano do ensino fundamental, a Obfep tem apoio do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), por meio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCTI), e do Ministério da Educação (MEC).

Premiação

A relação divulgada no portal da olimpíada refere-se aos estudantes vencedores em âmbito nacional. Ao todo, serão concedidas 240 medalhas de ouro e a mesma quantidade de prata e de bronze aos alunos das escolas municipais, estaduais e federais que obtiveram, considerando a modalidade de escola, as 20 primeiras colocações na classificação nacional, em cada uma das séries/anos.

As premiações são realizadas pelas coordenações estaduais com o apoio da Comissão Organizadora Nacional. Consistem de uma cerimônia com a presença de autoridades, uma palestra sobre atualidades da Física e a entrega das medalhas, certificados, placas e troféus.

Já para a premiação estadual, são 972 medalhas para cada nível, reconhecendo os 36 alunos que obtiverem a maior pontuação em cada estado. No entanto, em cada uma das unidades da federeação cada coordenador fará a premiação considerando o desempenho dos alunos e, consequentemente, das escolas em seus estados.

"A previsão é que essas premiações estaduais ocorram durante o mês de abril servindo assim também para divulgar a Obfep 2013”, adianta o coordenador geral do evento, José David Viana.

Saiba mais

Após a realização da primeira fase, a Obfep fornece o gabarito, os professores corrigem a prova e lançam no banco de dados a nota e o nome dos 5% de alunos inscritos com melhor classificação em cada série/ano da escola, levando em consideração todos os turnos. Nesse momento também é registrado o nome do professor de cada estudante classificado.

A segunda fase, tanto a aplicação como a correção, fica sob a responsabilidade dos coordenadores estaduais, e ocorre em centros escolhidos pela coordenação estadual. Os estudantes vencedores, assim como os professores, as escolas e as secretarias de Educação, são premiados com medalhas, certificados e/ou troféus.

Cada etapa é específica para a série que o aluno cursa no ano. São três níveis: A, para estudantes do 9º ano do ensino fundamental; B, para estudantes da 1ª e da 2ª série do ensino médio; e C, para os da 3ª série.

 

 

Ascom do MCTI
Fonte Ascom do MCTI 27/03/2013 ás 18h

Compartilhe

Olimpíada de Física das Escolas Públicas divulga resultado de 2012