Novo partido terá coleta de assinaturas em Santa Catarina

Fonte Imprensa DEMPRO 09/03/2013 às 2h

Florianópolis - Com registro em cartório do estatuto e do programa partidário do Partido Democrata Progressista- PDP, ou simplesmente DEMPRO, os apoiadores do partido em Santa Catarina já preparam mobilização a partir deste mês para coleta das assinaturas necessárias à criação do novo partido político. Ao todo, 500 mil pessoas precisam endossar a proposta para viabilizar a nova legenda que no twitter utilizam-se as hashtags, #PorUmaNovaPolítica #DEMPRO.

Para o presidente da comissão catarinense do DEMPRO, o empreendedor, Leandro Meneghine (Blumenau/SC), explica que a mobilização terá início a partir do dia 11 de março. O PDP/SC contará com representantes do segmento jovens empreendedores, advogados e estudantes. Segundo ele, o compromisso firmado com a direção nacional do DEMPRO foi conseguir, no mínimo, 10 assinaturas. Porém, ele adianta que a meta é atingir algo em torno de 15.000 assinaturas em todo Estado. “Estamos nos preparando para o trabalho, é preciso lembrar que com o registro do PDP abre-se espaço para aprimorar a democracia e surgimento de novas lideranças.”, avalia Leandro.

Segundo o presidente da comissão organizadora nacional do novo partido – Ronaldo Nóbrega Medeiros, que é jornalista, e atual editor do site Justiça em Foco em Brasília, em visita, na cidade de Florianópolis, será ainda discutido a expansão para 11 Estados. “Não estamos buscando apenas lideranças, a nossa maior preocupação é formar lideranças. Vamos buscar legalizar a sigla para as eleições em 2014, queremos construir um partido de pessoas para pessoas sem individualismo”, disse Nóbrega, também confirmando que a visão do PDP é defender uma economia socializada.

O Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE-SC), foi oficializado na tarde desta terça-feira (5), da comissão provisória do PDP, documento protocolado sob o número 18.228/2013.

 

Imprensa DEMPRO
Fonte Imprensa DEMPRO 09/03/2013 ás 2h

Compartilhe

Novo partido terá coleta de assinaturas em Santa Catarina