Nova estimativa do BC projeta déficit maior nas contas externas do país

Fonte Agência Brasil 22/03/2013 às 12h

Brasília – O Banco Central (BC) revisou a projeção para o déficit em transações correntes, que são as compras e as vendas de mercadorias e serviços do país com o mundo – de US$ 65 bilhões para US$ 67 bilhões, este ano. Em relação a tudo o que o país produz – Produto Interno Bruto (PIB) – o saldo negativo deve ficar em 2,76%, contra 2,72% previstos anteriormente.

Um dos motivos que levaram à revisão foi a menor expectativa para o saldo da balança comercial (exportações e importações), que passou de US$ 17 bilhões para US$ 15 bilhões, neste ano.

Na conta de serviços (viagens internacionais, transportes, aluguel de equipamentos, seguros, entre outros) também houve alteração na estimativa de déficit, de US$ 43,7 bilhões para US$ 43,6 bilhões.

A conta de rendas (remessas de lucros e dividendos, pagamentos de juros e salários) deve registrar saldo negativo de US$ 41,4 bilhões, contra US$ 41,3 bilhões previstos anteriormente pelo BC.

A previsão para o ingresso líquido de transferências unilaterais correntes (doações e remessas de dólares que o país faz para o exterior ou recebe de outros países, sem contrapartida de serviços ou bens) foi mantida em US$ 3 bilhões.

Nos dois primeiros meses do ano, o déficit em transações correntes ficou em US$ 17,997 bilhões, contra US$ 8,779 bilhões, registrados no primeiro bimestre de 2012. Somente em fevereiro, o resultado negativo foi US$ 6,625 bilhões, contra US$ 1,729 bilhões de igual mês do ano passado. Em todo o ano passado, o déficit em transações correntes foi US$ 54,246 bilhões, o que correspondeu a 2,41% do PIB.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 22/03/2013 ás 12h

Compartilhe

Nova estimativa do BC projeta déficit maior nas contas externas do país