"Nenhum time é superior à seleção italiana", diz Marcelo Lippi

Fonte Ansa Flash 19/11/2009 às 0h
O técnico da seleção italiana, Marcelo Lippi, assegurou hoje que nenhum outro time é superior ao que ele dirige. A equipe conquistou no sábado, com uma rodada de antecedência, a classificação para a Copa do Mundo de 2010.

"Não quero dizer que somos os melhores, porém quando entramos em campo não somos inferiores a ninguém, e não é presunção", esclareceu Lippi, que dirigiu a Itália também na conquista do Mundial da Alemanha, em 2006.

Contra o Brasil, contudo, a seleção italiana registrou dois revezes somente neste ano. Em amistoso realizado em fevereiro, a seleção de Dunga bateu a Azzurra por 2 a 0. Em junho, em jogo válido pela Copa das Confederações, na África do Sul, o placar foi de 3 a 0 para o Brasil.

Em entrevista concedida hoje ao canal RaiSport, Lippi fez uso de um jogo de palavras em italiano para se referir ao atacante da Roma Francesco Totti, de 33 anos, que não vem sendo convocado e que ontem se colocou à disposição do treinador para voltar à equipe.

"Se a seleção está aberta a Totti? Há uma letra errada, porque a seleção está aberta a "tutti" [todos]", disse ele.

Argentina

O técnico também comentou a difícil situação vivida pela seleção argentina de Diego Maradona, que corre o risco de ficar de fora da Copa se não vencer o Uruguai em Montevidéu hoje à noite. "Um Mundial sem a Argentina seria realmente estranho", opinou.

Lippi lembrou, por outro lado, que o Brasil também teve dificuldades para se classificar para a Copa do Mundo de 2002. Apesar disso, conseguiu conquistar o pentacampeonato mundial naquele ano.
Ansa Flash
Fonte Ansa Flash 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

"Nenhum time é superior à seleção italiana", diz Marcelo Lippi