O seu canal de notícias do Brasil e do Mundo.

      

NBB - Roubaram a cena

Fonte Liga Nacional de Basquete 05/04/2013 às 9h

NBB - Roubaram a cena

 

Com autoridade, Basquete Cearense faz um último quarto fenomenal e vence o São José, em pleno ‘caldeirão’ Lineu de Moura

Uma vitória para dar moral. Nesta quinta-feira, o SKY/Basquete Cearense mostrou que pode ser um pedra no sapato de muitos time nos playoffs, ao bater o São José/Unimed, por 87 a 76, no temido e lotado Ginásio Lineu de Moura, em São José dos Campos (SP). Desta forma, os comandados de Alberto Bial chegaram ao seu 15º triunfo em 31 partidas disputadas (48,4% de aproveitamento), e assumiu a 10ª colocação.

O ala/pivô do time cearense,Felipe Ribeiro, foi o cestinha da partida, com 23 pontos. O armador Matheus, ex-jogador do São José, mostrou que ainda conhece bem o aro do Ginásio Lineu de Moura, e anotou 18 pontos, em seis bolas de 3 convertidas. Pelo lado dos atuais vice-campeões, destaque para Murilo, que registrou um duplo-duplo ao fazer 21 pontos e pegar dez rebotes. O norte-americano Andre Laws anotou 17 pontos, e o jovem Chandler foi responsável por 16.

“A equipe fez uma partida impecável. A forma como tudo tem sido conduzido, com muita humildade, tem feito a diferença. Todos têm feito a sua parte da melhor forma. A defesa encaixou muito bem e foi dando confiança para a equipe. Fizemos um último quarto muito equilibrado, mas a nossa grande virtude tem sido jogar como um time mesmo”, disse Alberto Bial.

O São José obeteve superioridade no primeiro quarto, pois foi comandados por Dedé e Murilo, autores de oito e seis pontos, respectivamente, que lideraram a equipe para o placar inicial de 23 a 18.

Porém, o Basquete Cearense voltou com tudo para o segundo quarto. A equipe da Região Nordeste chegou a virar o placar para 28 a 26. A partir daí, o jogo ficou eletrizante, mas o São José conseguiu tomar a frente novamente e, com uma cesta de Murilo no estouro do cronômetro, encerrar a primeira metade do confronto na frente por 38 a 36.

Na volta dos vestiários, o time do Ceará estava disposto a mudar o panorama da partida, e com um impressionante 7 a 0 nos primeiros minutos, conseguiu virar o jogo (43 a 38). A superioridade dos nordestinos seguiu firme até a metade da terceira parcial, quando Fúlvio, até então apagado no jogo, começou a aparecer e deixou o São José em vantagem (50 a 48). Mesmo com o armador joseense se ligando no partida, o Basquete Cearense tinha Felipe Ribeiro, que com uma boa sequência, colocou os comandados de Alberto Bial na ponta do placar (55 a 52). Nos segundos finais, Schneider acertou uma bola de 3 pontos que deixou os cearenses em vantagem ao final da terceira etapa (63 a 60).

Aproveitando a pegada da etapa anterior, o Basquete Cearense dominou as ações do jogo no último quarto, em que o time do Nordeste acertou a mão nos arremessos e chegou a abrir incríveis 16 pontos de vantagem (79 a 63). O ex-jogador do São José, Matheus, provou que conhece bem o aro do Ginásio Lineu de Moura e estava com a mão fervendo na partida, fator mais do que essencial para a vitória do time de Alberto Bial por 87 a 76.

 

Liga Nacional de Basquete
Fonte Liga Nacional de Basquete 05/04/2013 ás 9h

Compartilhe

NBB - Roubaram a cena