O seu canal de notícias do Brasil e do Mundo.

      

NBB - Na luta

Fonte Liga Nacional de Basquete 09/03/2013 às 20h

Em grande estilo, Pinheiros se recupera de derrota na última rodada, vence Mogi e segue na briga pelo G-4

O Pinheiros/SKY se recuperou da derrota para o São José/Unimed, em casa, na última rodada, em grande estilo. Com uma atuação praticamente perfeita de seu ataque, a equipe da capital paulista venceu o Mogi das Cruzes/Helbor, com tranquilidade, pelo placar de 118 a 82e se manteve na luta por uma vaga no grupo dos quatro primeiros colocados. Agora, o time dirigido pelo técnico Cláudio Mortari soma 17 vitórias em 26 partidas disputadas (65,3% de aproveitamento).

Os destaques do triunfo pinheirense foram o ala/armador Joe Smith, que anotou 23 pontos, com direito a seis bolas convertidas da linha de três pontos, e o ala Márcio, autor de 18 pontos. O armador Paulinho também teve uma boa atuação, não errou um arremesso sequer e deixou a quadra do Ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim, em São Paulo, com 17 pontos. além de seis assistências. Pelo lado mogiano, o melhor em quadra foi o ala Filipin, cestinha do jogo, com 26 pontos.

Os mogianos até começaram melhor a partida e fizeram uma sequência de 5 a 0 nos minutos iniciais. Porém, o primeiro quarto foi mesmo do Pinheiros. Comandado por Smith, que mostrou estar com a mão calibrada e anotou nove pontos praticamente seguidos, o time da casa reagiu e logo assumiu a liderança do placar (16 a 8). Os comandados de Cláudio Mortari seguiram imprimindo um ritmo forte e fecharam a parcial inicial com uma boa vantagem: 28 a 16.

Sem se encontrar em quadra, o time visitante não impôs dificuldades para os anfitriões seguiram ampliando a diferença no placar. Com um ataque poderoso, o esquadrão pinheirense seguiu pontuando em um bom ritmo e com pouco menos de quatro minutos jogados no segundo quarto, a equipe já tinha 26 pontos de frente (44 a 18). Na sequência, a equipe dirigida pelo espanhol Paco García até tentou reagir, mas o jogo foi para o intervalo ainda com os donos da casa tranquilos na frente, pelo placar de 53 a 32.

Na volta dos vestiários, Smith voltou a mostrar sua ótima pontaria nos tiros de longa distância. Com três bolas de três pontos certeiras da linha de três pontos, o norte-americano ajudou o clube da capital paulista a iniciar o terceiro quarto a todo vapor. A atuação do camisa 10 inspirou a equipe da casa, que anotou incríveis 39 pontos na parcial e levou o confronto para o último período com diferença de 33 pontos a favor (92 a 59).

Com a boa vantagem no placar, os pinheirenses apenas “jogaram para o gasto” na parcial final. Sem se esforçar muito e com a presença de vários reservas em quadra, a equipe da cidade de São Paulo confirmou seu triunfo com tranquilidade.

 

 

Liga Nacional de Basquete
Fonte Liga Nacional de Basquete 09/03/2013 ás 20h

Compartilhe