O seu canal de notícias do Brasil e do Mundo.

      

NBB - Acirrado

Fonte Liga Nacional de Basquete 09/05/2013 às 8h

 

Antes mesmo da chegada das semifinais, NBB 2012/2013 iguala maior quantidade de decisões na quinta partida da história do campeonato

Decisão da série de quartas de final entre Brasília e São José será na quinta partida (Claudio Capucho/PMSJC)

As Finais do NBB 2012/2013 já podem ser consideradas as mais equilibradas da história do campeonato nacional. Ainda na fase de quartas de final, a atual temporada da maior competição de basquete do país já conta com a disputa de cinco confrontos de mata-mata decidido apenas na quinta partida.

Na última edição do NBB foi estabelecido um novo recorde de jogos de número cinco. Ao todo, foram cinco séries decididas no último duelo, incluindo as duas semifinais, que tiveram os confrontos do São José/Unimed contra o Flamengo e do Uniceub/BRB/Brasília diante do Pinheiros/SKY. Porém, na atual temporada esta marca já foi igualada, antes mesmo da chegada da etapa que vale vaga na grande decisão.

Nas oitavas de final, duas séries foram definidas apenas no último jogo: Pinheiros e Winner/Kabum/Limeira, vencida pelo time da capital paulista, e Paulistano/Unimed e SKY/Basquete Cearense, em que a equipe comandada por Gustavo De Conti levou a melhor. Agora, nas quartas de final, mais três confrontos estão empatados em dois a dois e a quinta partida precisará ser realizada para a definição das vagas nas semifinais.

Apenas o Flamengo, que eliminou o Paulistano por três jogos a zero já está no grupo dos quatro melhores colocados do NBB 2012/2013. Enquanto isso, as outras três séries – Brasília x São José, Unitri/Universo x Pinheiros e Bauru x Franca – tiveram duas vitórias para cada lado nas quatro primeiros jogos e a decisão será na quinta e última partida.

Outra marca curiosa que cerca a disputa das quartas de final da temporada 2012/2013 acontece no confronto entre Uberlândia e Pinheiros. Pela primeira vez na história do NBB, os visitantes levaram a melhor em quatro partidas de uma série de playoffs. Até o momento, apenas as equipes que jogaram fora de casa saíram vencedoras no confronto entre mineiros e paulistas.

Brasília, de Giovannoni e Nezinho, é o recordista de decisões na quinta partida (Brito Júnior/Divulgação)

Enquanto isso, o Brasília é dono de outro recorde histórico. Com a realização da quinta partida diante do São José/Unimed, os atuais tricampeões do NBB chegam pela sétima vez a uma decisão de série de playoffs no jogo de número cinco. Na temporada 2008/2009, os candangos superaram o Vivo/Franca nas oitavas de final após cinco partidas e acabaram sendo derrotados na decisão pelo Flamengo, também no quinto duelo. Na edição seguinte, mais duas decisões para a agremiação da capital federal.

Primeiro, a equipe passou pelo Icatu/Minas na semifinal com uma vitória no quinto jogo da série. Depois, o elenco que conta com os jogadores Alex e Nezinho deu o troco no clube rubro-negro e conquistou seu primeiro título no NBB depois de triunfar na partida de número 5 do confronto final da competição. Na temporada 2010/2011 um novo jogo cinco fez parte da trajetória vencedora dos comandados do técnico José Vidal: vitória por três a dois sobre Uberlândia nas quartas de final.

Na edição passada do NBB, Brasília levou a melhor sobre o Pinheiros na quinta partida de uma das séries de semifinais e garantiu sua quarta passagem à final do campeonato, em sua sexta decisão de playoffs após a realização de cinco jogos. Agora, o time da região centro-oeste do país terá seu sétimo desafio após empate em dois a dois em um confronto das Finais do NBB, contra o São José.

Predomínio dos mandantes

Contando com as duas séries de oitavas de final da edição 2012/2013 decididas no quinto jogo, a competição nacional já conta com 15 séries de playoffs decididas em cinco partidas e o predomínio é total das equipes que jogam em casa. Apenas em duas oportunidades, o time visitante venceu o duelo decisivo e seguiu vivo na disputa do maior campeonato de basquete do país.

A primeira vez que uma equipe que jogou fora de casa levou a melhor na quinta partida de um confronto da fase de mata-mata foi no triunfo do Brasília sobre o Pinheiros, no Ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim, em São Paulo (SP), em uma das semifinais. O outro êxito dos times visitantes aconteceu na atual edição, com a vitória do Paulistano sobre o Basquete Cearense, em partida dramática decidida apenas nos segundos finais, no Ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza (CE).

Confira todos os jogos 5 da história do NBB:

NBB 2008/2009:
24/05/2009 – Oitavas de final – Brasília 64 x 59 Franca
28/06/2009 – Final – Flamengo 76 x 68 Brasília

NBB 2009/2010:
15/05/2010 – Semifinal – Brasília 90 x 77 Minas
06/06/2010 – Final – Brasília 76 x 74 Flamengo

NBB 2010/2011:
01/05/2011 – Quartas de final – Pinheiros 93 x 82 Joinville
02/05/2011 – Quartas de final – Brasília 91 x 74 Uberlândia

NBB 2011/2012:
24/04/2012 – Oitavas de final – Joinville 86 x 78 Limeira
11/05/2012 – Quartas de final – Flamengo 77 x Uberlândia
11/05/2012 – Quartas de final – Pinheiros 73 x 63 Joinville
27/05/2012 – Semifinal – São José 106 x 90 Flamengo
27/05/2012 – Semifinal – Pinheiros 68 x 81 Brasília

NBB 2012/2013:
26/04/2013 – Oitavas de final – Basquete Cearense 68 x 69 Paulistano
26/04/2013 – Oitavas de final – Pinheiros 97 x 77 Limeira
09/05/2013 – Quartas de final – Brasília x São José
09/05/2013 – Quartas de final – Uberlândia x Pinheiros
10/05/2013 – Quartas de final – Bauru x Franca

 

Liga Nacional de Basquete
Fonte Liga Nacional de Basquete 09/05/2013 ás 8h

Compartilhe

NBB - Acirrado