Museu Imperial recebe pontuação máxima no Guia Quatro Rodas

Fonte Ascom Ibram 09/04/2013 às 17h
 

O Museu Imperial (Ibram/MinC), localizado em Petrópolis (RJ), é um dos oito museus brasileiros classificados pelo Guia Quatro Rodas 2013 como “cinco estrelas”. A publicação anual, que apresenta e atribui notas a hotéis, restaurantes e atrações de todo o Brasil é um importante guia de viagem do país.

Também foram considerados “cinco estrelas” os museus Catavento Cultural, Museu da Língua Portuguesa, MASP, Museu do Futebol e Pinacoteca do Estado de São Paulo, todos na capital paulista; o Museu de Ciência e Tecnologia da PUC do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre; e o Instituto Inhotim, de Brumadinho (MG).

Dos museus classificados como “quatro estrelas”, quatro integram a estrutura do Ibram: Museu da República, Museu Nacional de Belas Artes e Museu Histórico Nacional, localizados no Rio de Janeiro; e Museu da Inconfidência, de Ouro Preto (MG).

Classificação

Na categoria “atrações”, o Guia Quatro Rodas pontua museus, centros culturais, parques e outros atrativos da seguinte forma: uma estrela – “de algum interesse”; duas estrelas – “interessante”; três estrelas – “muito interessante”; quatro estrelas – “não deixe de ir”; cinco estrelas – “vale a viagem”.

No caso do Museu Imperial, a publicação justifica a classificação como “cinco estrelas” afirmando que “além de fazer parte da história do país, reúne relíquias, como móveis, joias e documentos do Segundo Reinado (1840-1889)”. O texto destaca entre os pontos de interesse a Sala das Joias e os espetáculos Som e Luz e Um Sarau Imperial.

“A classificação é o reconhecimento do acervo do Museu Imperial como referência nacional para o estudo do período imperial brasileiro, bem como uma opção permanente de entretenimento cultural para brasileiros e estrangeiros”, afirma o diretor do Museu Imperial, Maurício Vicente Ferreira Jr

Conheça os Museus do Ibram

Ascom Ibram
Fonte Ascom Ibram 09/04/2013 ás 17h

Compartilhe

Museu Imperial recebe pontuação máxima no Guia Quatro Rodas