Município paulista de Nova Odessa confirma primeira morte por gripe suína

Fonte Agência Brasil 19/11/2009 às 0h
Um homem de 45 anos do município de Nova Odessa, no interior paulista, morreu na noite da última quarta-feira (5) por influenza A (H1N1) – gripe suína. Esse é o primeiro óbito pela doença registrado na cidade. Segundo nota da prefeitura de Nova Odessa, no mesmo dia em que o doente morreu, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Estadual de Sumaré, saiu o resultado dos exames laboratoriais do Instituto Adolfo Lutz com a confirmação de que se tratava de mais um caso de influenza A (H1N1) – gripe suína.


O comunicado informa ainda que o paciente havia sido internado, no último dia 28, no Hospital Estadual de Sumaré, depois de receber o primeiro atendimento no Pronto-Socorro do Hospital Municipal de Nova Odessa, quando apresentava quadro da Doença Respiratória Aguda Grave (DRAG). Os parentes foram monitorados, mas nenhum deles apresentou os sintomas da influenza A (H1N1) – gripe suína – até ontem (6).

A cidade registrava cinco casos suspeitos da doença até o final da manhã de ontem (6), entre os quais o de uma menina de 9 anos que foi internada na UTI de um hospital de Campinas, cidade vizinha de Nova Odessa.

A Secretaria Estadual de Saúde ainda não atualizou o balanço de casos no estado. O último dado sobre as mortes foi divulgado, na última terça-feira (4), quando havia a informação de 50 óbitos.
Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

Município paulista de Nova Odessa confirma primeira morte por gripe suína