Mulheres sofrem mais de ansiedade, diz pesquisa

Fonte Ansa flash 18/03/2013 às 22h

Em média, 22% das mulheres sentem ansiedade diariamente, ou pelo menos semanalmente, enquanto 16% dos homens apresentam o mesmo comportamento

WASHINGTON, 18 MAR (ANSA) - É mais comum que as mulheres sejam vítimas de preocupações, ansiedade e nervosismo que os homens, apontou uma pesquisa divulgada pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), dos Estados Unidos.

O relatório, baseado em sondagens realizadas entre 2010 e 2011, revela que, em média, 22% das mulheres sentem ansiedade diariamente, ou pelo menos semanalmente, enquanto 16% dos homens apresentam o mesmo comportamento.

A sensação de preocupação é mais comum entre os jovens de ambos os sexos e tende a diminuir com a idade.

Ansa flash
Fonte Ansa flash 18/03/2013 ás 22h

Compartilhe

Mulheres sofrem mais de ansiedade, diz pesquisa