MTur apresenta resultados do Pronatec no Salão Baiano de Turismo

Fonte Ascom/MTur 11/04/2013 às 10h

Bahia terá mais de dez mil vagas de qualificação profissional para a Copa.

Brasília (DF) – Para este ano, o Ministério do Turismo prevê mais de dez mil vagas para qualificação de profissionais do setor turístico para a Copa das Confederações e para a Copa do Mundo de 2014, pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec Turismo), na Bahia.

Na capital soteropolitana, 3.761 alunos se matricularam em 21 cursos, ano passado. Esses resultados serão apresentados com maior profundidade pelo secretário de Programas do Turismo do MTur, Fábio Mota, durante o 2º Salão Baiano do Turismo, que ocorre no Centro de Convenções da Bahia, de 11 a 14 de abril.

“Com esse programa, conseguimos fazer a qualificação profissional dentro da empresa. Nosso compromisso é melhorar os serviços turísticos do Brasil e provocar a competitividade mundial”, defende o secretário Fábio Mota.

Em caráter complementar ao Pronatec Copa, o MTur firmou dois convênios com a Secretaria de Turismo da Bahia para a qualificação de 1.620 profissionais que atuam em profissões de contato direto com os turistas, em Salvador. Serão investidos R$ 2,2 milhões para a qualificação de motoristas de táxi e comerciantes informais.

Os cursos serão direcionados para as cidades de Salvador (sede), Cachoeira, Cairú, Itaparica, Lauro de Freitas, Lençóis, Mata de São João, Maragogipe e Vera Cruz.

O ministro do Turismo, Gastão Vieira, participa da abertura do Salão Baiano de Turismo, nesta quarta-feira (10), às 18h, evento que ele considera importante para o desenvolvimento do setor turístico nordestino. “É fundamental o ministério estar presente na Bahia. O estado é um dos grandes destinos do turismo nacional e precisamos reforçar essa vocação”, assinala.

SBCLASS Desenvolvido pelo MTur em parceria com o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), o Sistema Brasileiro de Classificação dos Meios de Hospedagem (SBClass) também será tema de painel no 2º Salão Baiano de Turismo.

O programa visa padronizar os estabelecimentos brasileiros e garantir ao turista segurança, enquanto consumidor, de que o lugar que contratou para se hospedar corresponde à classificação correta. A classificação por estrelas é feita exclusivamente pelo governo federal, com adesão voluntária pelos empresários, e representa um marco para a elevação da competitividade do turismo brasileiro. Existem hoje 33 meios classificados em todo o país. Três deles são do Estado da Bahia.

“Estamos conversando com as redes hoteleiras para acelerar os processos de adesão por conta dos grandes eventos e para a modernização do setor no Brasil”, diz o secretário Nacional de Políticas do Turismo, Vinícius Lummertz.

O SALÃO Estandes das 13 zonas turísticas do Estado e dos municípios turísticos estarão dispostos no local do Salão Baiano de Turismo. O pavilhão do Centro de Convenções terá estandes comerciais das empresas baianas que fazem receptivo turístico; áreas para gastronomia; estandes de artesanato; espaços para exposição de segmentos turísticos como Turismo de Aventura e Turismo Náutico; núcleo do conhecimento, com palestras e capacitações; manifestações culturais; rodada de negócios com operadores nacionais e internacionais.

Outro grande atrativo do evento é a maquete da Bahia, que demonstra os atrativos de todas as zonas turísticas, onde o visitante poderá caminhar sobre todos os pontos do Estado. O equipamento tem 120 metros quadrados.

Paralelamente ao Salão, ocorrerão a 22ª Brazil National and Tourism Mart (BNTM) e a III Feira da Associação Brasileira de Agentes de Viagem (Abav-BA). A entrada é franca, das 14h às 20h.

SAIBA MAIS

- O Pronatec Turismo foi instituído pela pasta em parceria com o Ministério da Educação (MEC) para contribuir para a melhoria da qualidade da prestação de serviços ofertados aos turistas.

- O programa é dividido em três linhas de ação:

- Pronatec Copa: visa atender à necessidade por novos profissionais, qualificando pessoas interessadas em entrar para o setor

- Pronatec Copa na Empresa: busca facilitar aos empresários do setor a oferta de cursos de aperfeiçoamento profissional aos seus empregados e colaboradores. As aulas são ministradas preferencialmente dentro do estabelecimento em horários mais convenientes aos empresários e empregados.

- Pronatec Copa Social: em parceria com Serviço Social da Indústria (Sesi), oferece oportunidade de qualificação às pessoas em situação de vulnerabilidade social, facilitando sua inserção no mercado de trabalho.

- Os cursos de qualificação profissional são compostos de no mínimo 160 horas presenciais e os ofertantes de vagas são o Sistema “S” (Senac, Senai, Senat e Senar), os institutos federais e estaduais de educação.

- A meta até a Copa do Mundo FIFA 2014 é ofertar 240 mil vagas em todo o Brasil para qualificar profissionais e pessoas interessadas em trabalhar no setor de turismo. Os cursos mais procurados são de inglês, organização de eventos, recepcionista, espanhol, agentes de viagem e de informações turísticas.

Ascom/MTur
Fonte Ascom/MTur 11/04/2013 ás 10h

Compartilhe

MTur apresenta resultados do Pronatec no Salão Baiano de Turismo