Ministro abre campanha de vacinação no AM

Fonte Ascom/MS 26/04/2013 às 20h

A meta é vacinar 196 mil indígenas em todo o país até 19 de maio. Ação faz parte da Semana de Vacinação das Américas e Semana Mundial da Vacinação

O Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, dá início oficial ao Mês da Vacinação dos Povos Indígenas, neste sábado (27), às 10h30, na aldeia Nova Itália, no município de Amaturá (AM). A meta é vacinar 196 mil indígenas em 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas até 19 de maio em todo o País. A ação faz parte da Semana de Vacinação das Américas e Semana Mundial da Vacinação promovida pela Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS). As doses serão aplicadas na população indígena de 172 etnias de 1.389 aldeias. Mais de 4 mil profissionais estarão envolvidos, sendo 52% indígenas que desempenham as funções de agentes indígenas de saúde e agentes Indígenas de Saneamento.

“Esta é uma ação preventiva em relação às principais doenças que atingem a comunidade indígena. Queremos ampliar a cobertura e o acesso dos indígenas às vacinas para fortalecer a imunidade desta população”, disse o ministro. Em 2012, o Ministério da Saúde vacinou 185.984 indígenas.

A vacinação terá início simultâneo em todos os Distritos e será executada pelas equipes dos DSEI. Formadas por profissionais de saúde dos distritos e por colaboradores eventuais com experiência em vacinação e vigilância epidemiológica, as equipes terão, no mínimo, um motorista, uma enfermeira, dois auxiliares ou técnico de enfermagem e os Agentes Indígenas de Saúde.

De acordo com os grupos prioritários estabelecidos pela Organização Mundial de Saúde, pretende-se vacinar 4.682 indígenas menores de 1 ano, 21.406 com idade de 1 e 4 anos, 42.446 mulheres em idade fértil e 11.004 indígenas maiores de 60 anos.

O investimento do Ministério da Saúde no Mês de Vacinação dos Povos Indígenas em 2013 é de R$ 4.322.435,15.

Ascom/MS
Fonte Ascom/MS 26/04/2013 ás 20h

Compartilhe

Ministro abre campanha de vacinação no AM