Militares brasileiros fazem homenagem aos soldados das missões de paz da ONU

Fonte Agência Brasil 29/05/2013 às 15h

Brasília – Em celebração ao Dia Internacional dos Mantenedores da Paz das Nações Unidas (ONU), os chamados peacekeepers, 600 militares da Marinha, do Exército e da Aeronáutica prestaram homenagens aos militares em missões de paz no mundo.

Durante a cerimônia, um grupo de ex-integrantes de missões de paz desfilou com boinas azuis, símbolo dos mantenedores da paz das Nações Unidas. Um capacete da cor azul e uma coroa de flores homenagearam militares mortos nas missões e durante o terremoto do Haiti, em 2010.

Entre os brasileiros homenageados, está o capitão de mar e guerra e fuzileiro naval, Alexandre Mariano Feitosa, que participou de missões de paz no Haiti, na Síria e em Nova York, na sede da ONU. Para ele, o dia não é apenas um reconhecimento ao trabalho de quem luta pela paz mundial.

“Esse é um dia muito importante para nós mantenedores da paz pela importância do trabalho feito em diversos cantos do mundo e pelo resultado desse trabalho que é a paz que nós conseguimos levar às regiões, não só por causa das operações, mas também pela parte cívico-social, pois existem lugares onde o apoio militar é aquele que chega e dá suporte para a região, como alimentação e segurança. A presença do militar é importantíssima”, disse.

O capitão destacou a satisfação em receber a homenagem. “Me sinto muito lisonjeado, muito orgulhoso de poder representar bem a Marinha do Brasil e o corpo de fuzileiros navais nas missões de paz. É uma satisfação muito grande, em primeiro lugar, por poder levar a paz em regiões tão conflituosas que a gente vê que carece de um diálogo, de algo que nós brasileiros temos, como a nossa capacidade de bem negociar, de chegar a um consenso. É uma satisfação ser brasileiro e poder levar uma esperança de paz.”

Em 29 de maio de 1948, o Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas criou a primeira missão de paz, na Palestina. Mas a data em celebração aos mantenedores da paz passou a ser comemorada a partir de 2003. O Brasil participa das missões de paz da ONU desde 1956. Em Brasília, as homenagens aos peacekeepers, conhecidos como boinas azuis, são organizadas por meio de rodízio entre as Forças Armadas.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 29/05/2013 ás 15h

Compartilhe

Militares brasileiros fazem homenagem aos soldados das missões de paz da ONU