Maduro pede o fim do ódio e da intolerância em seu discurso de vitória

Fonte Ansa flash 15/04/2013 às 20h

"Esta foi uma vitória trabalhada, batalhada, em meio a uma situação de dor e incerteza", acrescentou o presidente eleito

CARACAS, 15 ABR (ANSA) – O presidente eleito da Venezuela, Nicolás Maduro, pediu que tenha fim o ódio e a intolerância em seu país e solicitou o apoio dos venezuelanos para que a revolução bolivariana tenha um novo impulso.

"Peço apoio a todo o povo para que a revolução viva um processo de um novo impulso", disse do Balcão do povo no Palácio Miraflores, em Caracas, em seu discurso de comemoração pela vitória nas urnas.

Madurou venceu as eleições com 50,66% dos votos contra 49,07% do opositor Henrique Capriles, segundo os dados oficiais.

"Eu serei o presidente da paz e da segurança deste país", prometeu Maduro.

Ele ainda pediu formalmente ao Conselho Nacional Eleitoral (CNE) uma auditoria para que não fiquem "dúvidas sobre os resultados" do pleito.

"Esta foi uma vitória trabalhada, batalhada, em meio a uma situação de dor e incerteza", acrescentou.

Ansa flash
Fonte Ansa flash 15/04/2013 ás 20h

Compartilhe

Maduro pede o fim do ódio e da intolerância em seu discurso de vitória