Lauren Fabius é contrario ao Irã na conferência de Genebra

Fonte Ansa flash 27/05/2013 às 21h

Para o chanceler francês, Teerã está muito envolvida na guerra

PARIS, 27 MAI (ANSA) - O ministro das Relações Exteriores da França, Lauren Fabius, disse hoje que o Irã não deveria participar da conferência de Genebra sobre a Síria enquanto "está muito implicado na guerra no país, onde estão muitas armas e muitos soldados iranianos, além do papel reivindicado pelo Hezbollah".

Em uma declaração feita no final do Conselho Europeu dos ministros das Relações Exteriores, Fabius afirmou que é necessário "não confundir o problema sírio e a questão do nuclear iraniano".

"A suspeita de uso e armas químicas é cada vez mais forte", ressaltou o ministro francês, que se disse também favorável a uma revisão do embargo das armas aos rebeldes sírios "condicionado" a um acordo europeu sobre o assunto.

Fabius encontrará hoje em Paris seu homólogo russo, Sergey Lavrov, e norte-americano, John Kerry, para discutir da situação na Síria. Entretanto, o Irã informou hoje que vai realizar na quarta-feira uma conferência internacional sobre a Síria, para tentar encontrar uma solução política a crise no país árabe.

Ansa flash
Fonte Ansa flash 27/05/2013 ás 21h

Compartilhe

Lauren Fabius é contrario ao Irã na conferência de Genebra