Julgamento de Neymar é adiado e times da A3 terão desfalques

Fonte FPF 26/02/2013 às 9h

Mais um julgamento do TJD (Tribunal de Justiça Desportiva) aconteceu na noite desta segunda-feira na sede da Federação Paulista de Futebol. O processo do atacante Neymar, do Santos, que, a principio, estava marcado para esta data, foi adiado para a próxima semana. Por outro lado, as equipes da Série A3 do Campeonato Paulista sofrerão com desfalques na próxima rodada.

No Joseense, porém, o desfalque não trabalha dentro das quatro linhas. O auxiliar técnico Luiz Fernando Doretto seria julgado no artigo 243-F (Ofender alguém em sua honra, por fato relacionado diretamente ao desporto), mas acabou sendo desclassificado para o 258 (Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código), sendo punido por duas partidas de suspensão.

Enquanto isso, Luzimar G. da S. Jr., do União São João, foi julgado no artigo 254 (Praticar jogada violenta) e acabou sendo punido por duas partidas de suspensão. Como já cumpriu um jogo, o jogador terá de cumprir somente mais um. Por fim, o atleta Romário Marcelino de Sousa Santos teve o artigo desclassificado do 254-A (Praticar agressão física durante a partida, prova ou equivalente) para o 258 e foi punido por dois jogos. Como já cumpriu um, terá de ficar de fora de somente um.

Pela Série A1, o auxiliar técnico Sérgio Ricardo dos Santos foi julgado no artigo 258 pela confusão na partida entre Mirassol e Botafogo e acabou sendo punido por uma partida. Além dele, o gandula Paulo Ricardo Correa foi absolvido no artigo 243-D (Incitar publicamente o ódio ou a violência) e teve o artigo desclassificado do 243-F para o 258, sendo punido por 30 dias.

Já na Série A2, o atleta Leandro Gonçalves Costa, do São José, teve seu artigo desclassificado do 254-A para o 258 e acabou sendo punido com duas partidas. Como já cumpriu uma, Leandro desfalcará o time de São José dos Campos na próxima rodada do estadual. No Santo André, o zagueiro Rogélio dos Santos foi julgado no artigo 254-A e foi punido com duas partidas.

FPF
Fonte FPF 26/02/2013 ás 9h

Compartilhe

Julgamento de Neymar é adiado e times da A3 terão desfalques