Jorge Viana elogia vetos presidenciais ao Código Florestal

Fonte Agência Senado 28/05/2012 às 18h

Em pronunciamento nesta segunda-feira (28), o senador Jorge Viana (PT-AC) cumprimentou a presidente Dilma Rousseff pelos vetos ao texto do novo Código Florestal aprovado pelo Congresso, e disse que o resultado das alterações “é bom para o Brasil”.

Um dos relatores do Código no Senado, Jorge Viana (PT-AC) ressaltou que o veto presidencial veio acompanhado da Medida Provisória 571/2012, que dará agora ao Congresso Nacional uma nova oportunidade de buscar o entendimento necessário sobre a matéria, afirmou.

Jorge Viana disse que a medida provisória estará “em boas mãos” se tiver como relator o senador Luiz Henrique (PMDB-SC), que, junto com ele, relatou o projeto do Código Florestal no Senado. A matéria foi alterada pela Câmara e seguiu para sanção de Dilma Rousseff, que no último dia 25 anunciou os vetos ao projeto de lei.

Jorge Viana disse ser necessário um Código Florestal que proteja o meio ambiente, mas que também dê segurança jurídica para que mais de quatro milhões de pequenos produtores rurais possam trabalhar dentro da lei, a partir de uma política específica para o setor.

Antes de decidir pelo veto, disse Jorge Viana, Dilma ouviu diversos ministérios e conselhos de juristas e cientistas envolvidos com o tema. O seandor destacou a campanha pelo veto que mobilizou setores da sociedade, tendo em vista que “o Brasil não pode cometer os erros que outros países já cometeram, primeiro em destruir para depois recompor o que é possível”.

- Os vetos atendem interesses da sociedade, que fez grande movimento para que não se permitisse anistia a desmatadores – afirmou.

Jorge Viana disse ainda que o planeta hoje não suporta mais o padrão de consumo da civilização atual. Se quase dois bilhões dos sete bilhões de habitantes da Terra alcançassem um razoável padrão de vida, o mundo não agüentaria, afirmou.

Agência Senado
Fonte Agência Senado 28/05/2012 ás 18h

Compartilhe

Jorge Viana elogia vetos presidenciais ao Código Florestal