Jogadores chegam ao Rio para a disputa do III Mundialito de Futevôlei 4x4

Fonte RPM Comunicação 05/03/2013 às 22h

 

Os atletas já treinam com tudo nessa reta final para o evento. Nesta sexta, dia 8, os jogadores estarão disponíveis em um treino aberto para imprensa entre 10h e 14h.

O Rio de Janeiro começa a receber as feras que disputarão a terceira edição do Mundialito de Futevôlei 4x4, apresentado pela SulAmérica. Entre os dias 9 e 10 de março a arena, erguida na Praia de Copacabana, receberá alguns dos melhores jogadores do mundo na modalidade. Oito equipes estarão na disputa pelo título: Brasil com duas equipes, Paraguai, Uruguai, Portugal, Espanha, Argentina e Itália. A entrada para os jogos é gratuita. Nesta sexta, dia 8, os jogadores estarão disponíveis em um treino aberto para imprensa entre 10h e 14h.

O Paraguai, campeão da primeira edição do evento e vice-campeão ano passado, está disposto a retomar o título e promete dar trabalho para as seleções brasileiras. "Estou treinando bastante fisicamente para estar bem na competição. Jogo futevôlei sempre e conheço bem os outros integrantes da seleção, fazemos um bom time. Vamos chegar firme na disputa. Com certeza a ideia é disputar o título. Nosso time é bom e se jogarmos concentrados nós teremos boas chances de chegar à final", afirma Gamarra, capitão da equipe, que chega ao Rio nesta quarta-feira.

A Itália, que esteve entre as quatro finalistas nas últimas edições quer chegar mais longe este ano. "A expectativa é de chegar à final, nosso time está mais entrosado. Já jogamos juntos há dois anos e estamos mais afinados. A comunicação em quadra vai ser importante e fundamental para conseguir um bom resultado", explica Aldair, capitão da equipe italiana.

Já no Rio para a competição, Donato estará novamente ao lado dos espanhóis. "Estamos muito felizes em participar do torneio. É um campeonato difícil porque tem duas equipes fortes do Brasil que estão sempre treinando e são favoritas, além de seleções como a do Paraguai e da Itália que tem jogadores que já vivem aqui no Rio e podem treinar sempre. Assim como o Paraguai surpreendeu nos dois últimos anos, vamos tentar chegar à final e ser a surpresa deste ano", conta o brasileiro naturalizado espanhol.

O Uruguai será comandado pelo ex-jogador Gabriel Cedré, campeão da Libertadores em 96 pelo River Plate. Pelo segundo ano consecutivo, Claudio Caniggia será o capitão da Argentina.

Diferentemente do futevôlei tradicional, a modalidade 4x4 tem quatro jogadores em cada equipe e a rede é mais baixa, o que imprime maior dinamismo à partida. O formato foi desenvolvido pensando em entretenimento, com foco no público e nas transmissões da televisão, o Mundialito de Futevôlei 4x4 representa uma quebra de paradigmas e tem com objetivo ajudar na profissionalização do esporte.

Criação legitimamente brasileira, o futevôlei é democrático e um dos esportes mais praticados no verão carioca. "O futevôlei soma duas paixões populares: o futebol e a praia. Apostamos no sucesso dessa combinação. O estágio atual do futevôlei caracteriza uma oportunidade de altíssima atratividade. Um esporte com uma base de milhares de praticantes em franca expansão, mas ainda na fronteira do desenvolvimento profissional", explica Marcia Casz, vice-presidente de esporte da IMX.

"A SulAmérica nasceu no Rio de Janeiro e por isso essa parceria é mais que um patrocínio, é um orgulho imenso. Acreditamos no crescimento desse esporte que é a cara do verão, do Brasil e da SulAmérica que, pelo terceiro ano consecutivo, estará presente no evento", afirma o diretor de Marketing da companhia, Zeca Vieira. Com o patrocínio do campeonato, a seguradora reafirma seu compromisso em proporcionar e estimular atividades que beneficiem a saúde e a qualidade de vida da população.

final será jogada em melhor de três sets, sendo os dois primeiros terminando em 15 e o tie-break em 10 pontos.

O Mundialito de Futevôlei 4x4 tem patrocínio da SulAmérica Seguros, Previdência e Investimentos, Redecard, SKY, Casa & Vídeo, Produtos Azulim e apoio da Piraquê, Wise up, Drogaria Venâncio e Metrô. A realização é da Federação de Futevôlei do Estado do Rio de Janeiro (Futerj). O evento é chancelado pela Federação Internacional de Futevôlei (FIFv) e conta com apoio e parceria da IMX. Esse projeto foi viabilizado pelo Governo Federal por meio da Lei de Incentivo ao Esporte do Ministério dos Esportes.

Sobre a IMX
A IMX é uma joint-venture de esportes e entretenimento dos Grupos EBX e IMG Worldwide. Com sede no Rio de Janeiro, atuação nacional e conexão internacional, a IMX nasce com o objetivo de ser uma das principais empresas do setor no país. As áreas de atuação dividem-se em três pilares: Esportes (criação e produção de eventos, consultoria e gerenciamento de talentos), Entretenimento (realização de shows e artes cênicas) e Venues (construção, gestão e operação de estádios, arenas e centros de convenções). O portfólio da IMX para 2012 inclui projetos como a gestão do time de vôlei RJX e eventos como UFC (MMA), Volvo Ocean Race (vela), Megarampa (skate), LPGA Brasil Cup (golfe), Mundial de Futevôlei 4x4, Travessia dos Fortes (natação), Vert Jam (esportes radicais), FMX (motocross), Desafio Corcovado (ciclismo), Rio International Triatlon e Rio Urban (cultura urbana), entre outros.

Sobre a SulAmérica
A SulAmérica Seguros e Previdência é um dos maiores conglomerados empresariais brasileiros, com 117 anos de história, atuando nos segmentos de seguros, previdência e investimentos. A seguradora investe constantemente em ações que proporcionem qualidade de vida e bem-estar da população. No Rio de Janeiro, a companhia investe na realização de eventos esportivos e a Rádio SulAmérica Paradiso, que leva informação, prestação de serviços e boa música aos cariocas todos os dias.

RPM Comunicação
Fonte RPM Comunicação 05/03/2013 ás 22h

Compartilhe

Jogadores chegam ao Rio para a disputa do III Mundialito de Futevôlei 4x4