Israel confirma trégua de 72 horas em Gaza

Fonte ANSA 04/08/2014 às 20h

Informação já havia sido divulgada por fontes egípcias

04 Agosto, 17:42•TEL AVIV•ZSG

(ANSA) - O governo israelense aceitou a proposta egípcia de um cessar-fogo de 72 horas, informou a imprensa local. Fontes egípcias já haviam confirmado hoje, dia 4, uma trégua na Faixa de Gaza a partir de amanhã de manhã, após pressão do Egito.

O Exército de Israel anunciou hoje, dia 4, que, mesmo que sejam destruídos todos os túneis do Hamas que ligam a Faixa de Gaza com o país, as tropas israelenses não devem deixar a região por conta de "missões que precisam ser terminadas".

"Não vamos sair, vamos ficar em Gaza, onde temos muitas outras missões a cumprir", disse o porta-voz militar Moti Almoz, a emissora israelense Channel 2.

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, advertiu na semana passada que a ofensiva só teria fim após a destruição de todos os "túneis que ameaçam seus cidadãos".

Hamas usa passagens pode debaixo da terra para furar o bloqueio imposto a Gaza. Autoridades israelenses alegam que com os túneis eles obtêm armamentos e objetos usados na fabricação de bombas.

Trégua
O Hamas está pronto para aceitar uma trégua humanitária de 72 horas na Faixa de Gaza que deve ser anunciada nas próximas horas diante de pressões do Egito. (ANSA)
ANSA
Fonte ANSA 04/08/2014 ás 20h

Compartilhe

Israel confirma trégua de 72 horas em Gaza