Inventário Florestal Nacional no Paraná terá participação da UFPR

Fonte Serviço Florestal Brasileiro 05/04/2013 às 8h


Acordo de cooperação técnica entre o Serviço Florestal Brasileiro e a Universidade Federal do Paraná prevê que o controle de qualidade do IFN seja realizado pela instituição, uma das pioneiras do país no ensino das ciências florestais

O levantamento da qualidade e quantidade de florestas do Paraná por meio do Inventário Florestal Nacional (IFN) terá a participação da Universidade Federal do Paraná (UFPR), com quem o Serviço Florestal Brasileiro (SFB) assinou um acordo de cooperação.

A UFPR fará o controle de qualidade do IFN, que consistirá em ir a locais do estado já visitados pelas equipes de campo para medir novamente parâmetros como o diâmetro e altura das árvores, e avaliar a presença ou não de bromélias e orquídeas (epífitas), ou de camada de folhas e matéria orgânica no solo (serrapilheira).

Esse trabalho será realizado em cerca de 10% dos 152 pontos que serão levantados no estado. O objetivo é verificar se as medições foram realizadas corretamente e, assim, aumentar a confiabilidade dos dados do Inventário.

Para o SFB, a atuação conjunta com a UFPR é uma forma de envolver entidades de reconhecida capacidade acadêmica no Inventário. “As parcerias contribuem para que diferentes fontes alimentem a base de dados do IFN, possibilitando a produção de informações demandadas pela sociedade, que também são de interesse dessas instituições” afirma o gerente de Informações Florestais do SFB, Daniel Piotto.

Inicialmente, o IFN será realizado nas regiões Centro-Sul, Sudeste e Centro-Ocidental, que abrangem 50 mil quilômetros quadrados do estado. Os recursos para a atividade vieram do Fundo Global para o Meio Ambiente (GEF, na sigla em inglês), e são operados por meio da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO).

O Inventário Florestal Nacional abrangerá cerca de 20 mil pontos no país e permitirá avaliar os recursos florestais do território nacional, além do grau de utilização e importância deles para as populações rurais. A aplicação das informações do IFN está principalmente na formulação de políticas públicas conforme as necessidades e características das diversas regiões do país.

Serviço Florestal Brasileiro
Fonte Serviço Florestal Brasileiro 05/04/2013 ás 8h

Compartilhe

Inventário Florestal Nacional no Paraná terá participação da UFPR