Inep e Fundação Lemann realizam neste fim de semana Hackathon com dados educacionais

Fonte Grupo Máquina 14/04/2013 às 12h

I

O evento faz parte do Acordo de Cooperação Técnica assinado pelas duas instituições

O Inep, com o apoio da Fundação Lemann, realiza nos dias 12,13 e 14 de abril a 1a edição do Hackathon de Dados Educacionais. Hackers, programadores e desenvolvedores vão passar 36 horas desenvolvendo softwares, sites, aplicativos de celular, entre outras plataformas, tendo dados do Inep como base para o trabalho. O objetivo é que os projetos vencedores do Hackathon possam disseminar informações educacionais, ajudando a mobilizar a sociedade em prol de uma educação pública de qualidade e a qualificar o debate na área.

A maratona ocorre no Carlton Hotel, em Brasília. Na sexta-feira (12), o presidente do Inep, Luiz Cláudio Costa, e o diretor executivo da Fundação Lemann, Denis Mizne, farão a abertura do Hackathon. Ao final da maratona, uma comissão julgadora definirá as 3 equipes vencedoras, com base no potencial de impacto do projeto para a educação brasileira. Os ganhadores receberão até R$5mil para investir no desenvolvimento de seu produto. Os projetos serão avaliados em três quesitos: interesse público; criatividade; e qualidade técnica.

A Comissão Julgadora é composta por: Estevon Nagumo, pesquisador do Inep; Ernesto Faria, coordenador de projetos da Fundação Lemann; Alexandre Oliveira, cofundador da Meritt Informação Educacional; Sergio Amadeu da Silveira, especialista em dados abertos e software livre, Universidade Federal da Região do ABC; Marcio Costa, do Observatório Educação e Cidade da Universidade Federal do Rio de Janeiro e Nitai Bezerra da Silva, especialista em dados abertos do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

A ação faz parte do Acordo de Cooperação Técnica assinado entre o Inep e a Fundação Lemann em 2012, que prevê uma série de iniciativas para disseminar a rica base de dados produzida pelo órgão federal para toda a sociedade.

Programação da Hackathon

Dia 12/04

14h - Abertura

Dirigentes do Inep e da Fundação Lemann

14h30 – Mobilização social a partir dos dados educacionais

Convidado: Daniel Cara, Campanha Nacional pelo Direito à Educação

14h50 – O que á o Saeb/Prova Brasil e a utilização de seus dados

Equipe de Pesquisadores do Inep: Clara Etiene; Luana Bergmann e Estevon Nagumo

15h20 – Apresentação doProjeto de BI da Diretoria de Tecnologia da Informação do Inep

15h35 – Experiências na exploração de dados públicos

Convidados:Transparência Hacker, Meritt e W3C

Mediação:Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação-SLTI/MPOG

16h15 – Intervalo

16h30 – Apresentação das Diretrizes do Hackathon

17h – Encerramento da abertura

20h - Abertura da Maratona Hacker

Dia 13/04

Maratona Hacker

Dia 14/04

11h às 13h30 - Apresentação dos Projetos

13h30 às 15h - Almoço e deliberação da Comissão Julgadora

15h30 – Premiação

16h – Encerramento

Da Avaliação dos Projetos

7.1. Os projetos desenvolvidos neste Hackathon serão avaliados no dia 14/04/2013 por uma Comissão de especialistas, designada pelo Inep e pela Fundação Lemann.

7.2. A Comissão será composta por profissionais com trabalhos reconhecidos nacionalmente na área da Educação e de Informações Públicas.

7.3. Os Projetos serão avaliados em três quesitos: interesse público; criatividade; e qualidade técnica.

7.3.1. No quesito interesse público será avaliado se o projeto atende à necessidade coletiva e se a proposta colabora com a melhoria de vida de cidadãos e cidadãs em sociedade.

7.3.2. No quesito criatividade será avaliado se o projeto apresenta solução inovadora para problema relevante.

7.3.3. No quesito qualidade técnica será avaliado se o projeto cumpre o requisito de poder ser compartilhado, copiado, alterado e remixado por outras pessoas. Será considerado se o código do projeto está liberado na rede; dispõe de informações suficientes para ser replicado e reproduzido livremente e está devidamente documentado na internet.

7.4. Os avaliadores serão convidados a fazer uma livre avaliação dos projetos, de acordo com os quesitos apresentados no item

7.5. A comissão julgadora contará com o apoio da organização do Hackathon para a avaliação dos repositórios de código e da documentação do projeto.

7.6. A escolha dos projetos vencedores poderá ser feita por consenso entre os avaliadores, desde que justificados cada um dos quesitos avaliados.

7.7. Em caso de não haver consenso, todos os particpantes da Comissão Julgadora, deverão atribuir notas de 0 a 10 para os quesitos apresentados no item 7.3 deste edital.

7.7.1. Os projetos vencedores serão aqueles que obtiverem o maior somatório geral das notas atribuídas por todos os componentes da Comissão.

7.8. Serão premiados, de acordo com as notas finais, os três projetos melhor pontuados .

Grupo Máquina
Fonte Grupo Máquina 14/04/2013 ás 12h

Compartilhe

Inep e Fundação Lemann realizam neste fim de semana Hackathon com dados educacionais