Índice de Custo de Vida em São Paulo fica em 0,27% em setembro

Fonte Agência Brasil 19/11/2009 às 0h
O Índice do Custo de Vida na cidade de São Paulo atingiu 0,27% em setembro, ante 0,30% registrado em agosto, segundo cálculo feito pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). A inflação acumulada nos últimos 12 meses é de 3,89% e de janeiro a setembro deste ano, de 2,80%.

A maior pressão partiu do grupo alimentação (0,51%), seguido de habitação (0,39%) e transporte (0,50%).

Entre os itens alimentícios com aumento de preço aparecem as frutas e os legumes, que ficaram em média 6,11% mais caros, com destaques para o limão (57%), o mamão (16,7%), a berinjela (18,41%), o tomate (12,57%), a cebola (8,56%) e a batata (6,71%). No período, houve queda dos preços do arroz (-1,62%) e do feijão (-5,62%). O frango também ficou mais barato (-3,05%). Já os ovos tiveram aumento de 2,36%.

Em habitação, os gastos subiram, principalmente, por causa da correção da tarifa de água (4,51%). Em transporte, a alta foi puxada pelo aumento de preços dos combustíveis: no caso do álcool, a alta foi de 2,87% e da gasolina, de 0,73%.

Em compensação, houve deflação em vestuário (-0,46%), despesas pessoais (-0,18%), saúde (0,16%) e equipamentos domésticos (-0,55%).

De acordo com a apuração da FGV, para as famílias com renda maior, na faixa de R$ 2.792,90, o índice foi de 2,98%. Para as que têm ganhos mensais inferiores a esse valor, as variações foram de 2,44%, para a faixa média de R$ 377,49, e de 2,78%, para o teto de R$ 934,17.
Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

Índice de Custo de Vida em São Paulo fica em 0,27% em setembro