Índia proíbe filme sobre Indira Ghandi

Fonte ANSA 22/08/2014 às 12h

Autoridades alegam que longa exalta assassinos da ex-premier

22 Agosto, 11:56•NOVA DÉLI•EBA

(ANSA) - As autoridades indianas proibiram o lançamento, previsto para esta sexta-feira (22), do polêmico longa produzido em Punjab sobre o assassinato da ex-primeira-ministra indiana Indira Ghandi.

"Kaum De Heere" (Diamantes da Comunidade, em tradução livres) conta a historia do assassinato da ex-premier por parte de seus seguranças e gerou polêmica pois é acusado de glorificar os assassinos.

Com a decisão de proibir o lançamento do filme, tomada em comum acordo pelos ministérios indianos da Informação e do Interior e por órgãos reguladores, se temem as realizações de possíveis problemas de ordem pública me várias partes do país.

"Vimos o filme e decidimos, também com base em uma recomendação neste sentido do ministério do Interior, que não será apresentado nas salas [indianas] pelo momento", disse Leela Samson, responsável pelo órgão de certificação de filmes.

O trabalho do cineasta Ravinder Ravi, conta a vida dos três homens que mataram a ex-premier - Beant Singh, Satwant Singh, e Kehar Singh, é acusado de exaltar os assassinos, segundo fontes locais.(ANSA)
ANSA
Fonte ANSA 22/08/2014 ás 12h

Compartilhe

Índia proíbe filme sobre Indira Ghandi