Incra/MS define assentamentos como unidades de empreendedores

Fonte Incra 13/08/2014 às 21h
Baseado em bons exemplos de produção, produtividade e comercialização, o Incra em Mato Grosso do Sul está considerando cada lote da reforma agrária no Estado como sendo uma unidade empreendedora. As características para tanto serão exibidas no período de 21 a 24 de agosto, no Centro de Exposições Albano Franco, em Campo Grande (MS), mostrando produtos das famílias assentadas pelo Incra nos 179 assentamentos implantados desde 1984 no Estado.

O Incra ocupará um boxe, mostrando oportunidade de negócios para os empreendedores do setor alimentícios, como: carne suína e de frango, arroz, feijão, milho e até soja, além de trabalhos artesanais. O evento reunirá cerca de 150 expositores e pelo menos 250 palestras serão realizadas em rodadas de negócios. No caso dos assentados do Incra/MS, já existem grandes empresas comprando toda produção de carnes suína e de frango, por exemplo.

Segundo o superintendente regional do Incra/MS, Celso Cestari Pinheiro, as 30 mil famílias assentadas em Mato Grosso do Sul formam um banco de oportunidades para o empreendedorismo rural. Distribuídos em quase todos os municípios, os assentados constituem oportunidade para quem precisa de matéria-prima para o agronegócio.
Incra
Fonte Incra 13/08/2014 ás 21h

Compartilhe

Incra/MS define assentamentos como unidades de empreendedores