Inadimplência de empresas cresce menos em abril

Fonte Agência Brasil 28/05/2013 às 19h

 
São Paulo – A inadimplência das empresas cresceu 8,1% em abril em comparação com o mesmo mês do ano passado, segundo o Indicador Serasa Experian de Inadimplência das Empresas, divulgado hoje (28). Na relação entre o primeiro quadrimestre de 2013 e 2012, o aumento registrado chegou a 2%. Em relação a março, a elevação foi 1,7%. Entre fevereiro e março, o crescimento foi 8%.
 
As dívidas não bancárias (cartões de crédito, financeiras, lojas em geral e prestadoras de serviços, como telefonia e fornecimento de energia elétrica e água) tiveram alta de 0,6% na comparação de abril e março. As dívidas com bancos sofreram alta 8,3% e os títulos protestados, crescimento de 9,1% no mesmo período. Os cheques sem fundos tiveram queda de 10,4% em abril ante março.
 
“O aumento da inadimplência junto aos bancos e nos protestos é impulsionado em boa parte pela indústria, que embora venha apresentando aumento no volume de vendas, ainda mantém estoques elevados, o que pressiona os custos financeiros. Em situação oposta está o varejo, com crescimento nas vendas e estoque baixo”, diz nota da Serasa.
 
No primeiro quadrimestre do ano, as dívidas não bancárias tiveram alta de 3,4% ante igual período de 2012. As dívidas com bancos caíram 0,8%, os títulos protestados tiveram elevação de 4,1% e os cheques sem fundos tiveram, nos quatro primeiros meses de 2013, aumento de 22,2%, comparado a igual período do ano anterior.
Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 28/05/2013 ás 19h

Compartilhe

Inadimplência de empresas cresce menos em abril