IFPI quer reduzir custos com uso de tecnologia VoIP

Fonte Ascom da RNP 09/03/2013 às 15h
O Instituto Federal do Piauí (IFPI) está em fase de implementação de uma tecnologia que reduzirá os custos com telefonia na instituição. Trata-se do fone@RNP, um serviço Voz sobre IP (VoIP) provido pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP).

 

Segundo o chefe do Departamento de Redes e Telecomunicações do instituto, Nathan Saraiva, a previsão é que até o final de março os 60 ramais da reitoria estejam funcionando com o sistema VoIP. “Pretendemos levar essa tecnologia também para os outros dois campi de Teresina e para o interior”.

Em todo o Brasil, há mais de 100 instituições públicas de ensino e pesquisa que utilizam o VoIP, sistema que permite a comunicação por voz (via telefone comum, telefone IP ou software) pela internet.

Com a tecnologia, o custo das ligações diminui consideravelmente, já que as chamadas entre as instituições utilizam a rede de dados. “Se a ligação tiver como destino uma instituição não conectada, em outra cidade, o custo é de uma ligação local”, informa o gerente de Projetos da RNP, Hélder Vitorino.

Treinamento

A adesão do IFPI ao serviço faz parte do esforço da RNP em levar a tecnologia aos campi dos institutos federais, já que essas instituições ainda são minoria entre as usuárias. O pedido partiu do Ministério da Educação (MEC), uma das pastas que integram o programa interministerial que mantém a RNP, sob a justificativa de que os institutos federais têm uma quantidade muito grande de funcionários e pesquisadores que precisam fazer ligações interurbanas e até internacionais.

A RNP está capacitando os técnicos das instituições para a instalação e a operação dos equipamentos. Por meio da Escola Superior de Redes, braço de capacitação da RNP, foram treinados 61 profissionais dos institutos federais.

A RNP

Qualificada como uma organização social (OS), a RNP é ligada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), responsável pelo programa interministerial RNP, que conta com a participação dos ministérios da Educação (MEC), da Saúde (MS) e da Cultura (MinC).

Pioneira no acesso à Internet no Brasil, a RNP planeja e mantém a rede Ipê, a rede óptica nacional acadêmica de alto desempenho, com mais de 800 instituições conectadas. São aproximadamente 3,5 milhões de usuários usufruindo de uma infraestrutura de redes avançadas para comunicação, computação e experimentação, que contribui para a integração entre o sistema de ciência e tecnologia, educação superior, saúde e cultura.

 

 

 

Ascom da RNP
Fonte Ascom da RNP 09/03/2013 ás 15h

Compartilhe

IFPI quer reduzir custos com uso de tecnologia VoIP