Ibama doa 5.000 m³ de madeira apreendida na Operação Onda Verde

Fonte Ascom / Ibama 10/04/2013 às 7h

Anapu  – A Base Operacional do Ibama em Anapu/PA (765 quilômetros de Belém), uma das seis frentes da Operação Onda Verde, iniciada em fevereiro pelo Ibama – Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, com o objetivo principal de coibir desmatamento na região amazônica, realizou nesta segunda-feira a doação de 5 mil metros cúbicos de madeira em toras, para cinco associações de pequenos produtores rurais.

 

A madeira foi apreendida no início do mês de março, em área do município de Portel, e era fruto de extração ilegal na floresta amazônica. Agora serão utilizadas por cinco associações dos municípios de Anapu (03), Pacajá (01) e Senador José Porfírio (01), que atendem 1.369 famílias de assentados e pequenos produtores rurais.

A quantidade de madeira doada representa 80% do que foi solicitado pelas associações, quando se cadastraram junto ao Ibama, para a construção de 14 pontes, 04 escolas, 1099 casas, 18 barracões para depósito de alimentos e farinheiras, além de mesas e cadeiras.

No último sábado (06), representantes das associações e agentes do Ibama e da Força Nacional, estiveram visitando as esplanadas para conferir a localização e as essências das madeiras. Segundo os dirigentes das associações, logo que as chuvas diminuírem a madeira será utilizadas para beneficiar suas comunidades da melhor maneira possível, para que possam
estar aptos para receber novas doações do Ibama.

A Operação Onda Verde continuará na região de Anapu durante o ano todo, com agentes do Ibama, Força Nacional e Batalhão de Policia Ambiental. O superintendente do Ibama no Pará, analista ambiental Hugo Américo, afirma que “o crime ambiental não terá trégua”.

Ascom / Ibama
Fonte Ascom / Ibama 10/04/2013 ás 7h

Compartilhe

Ibama doa 5.000 m³ de madeira apreendida na Operação Onda Verde