Hugo Chávez irá à posse de Mujica no Uruguai, dizem parlamentares

Fonte 02/12/2009 às 15h

O mandatário venezuelano, Hugo Chávez, assistirá à posse do presidente eleito do Uruguai, José Mujica, no dia 1º de março de 2010, afirmaram hoje parlamentares de seu país.

"O presidente Chávez vem, com toda a certeza", assegurou Desireé Santos, integrante da Assembleia Nacional (Congresso) da Venezuela, que participou de um encontro com José Mujica em Montevidéu. O embaixador de Caracas, Franklin González, também compareceu ao evento.

O objetivo da reunião foi "saudar o presidente eleito e demonstrar nosso sentimento de respaldo, respeito e reconhecimento do Parlamento venezuelano", declarou Santos à imprensa local.

Senador da coalizão Frente Ampla e ex-guerrilheiro tupamaro, Mujica, de 74 anos, venceu as eleições presidenciais no segundo turno, realizado no domingo, derrotando o candidato do Partido Nacional, Luis Lacalle.

Durante o encontro desta quarta-feira, o ingresso do país de Chávez no Mercosul não esteve na pauta. O bloco se reunirá em Montevidéu na segunda-feira, mas o presidente venezuelano ainda não confirmou presença.

"Falamos, em linhas gerais, de toda a situação na América Latina. Creio que a Venezuela é parte do Mercosul", pois "falta apenas um passo burocrático do Legislativo brasileiro" e do Paraguai, ponderou a deputada venezuelana.

Segundo fontes oficiais, os presidentes de Argentina, Cristina Kirchner, Paraguai, Fernando Lugo, Chile, Michelle Bachelet, e Colômbia, Álvaro Uribe, já confirmaram que irão à cúpula do Mercosul, durante a qual o Uruguai entregará a presidência rotativa do bloco à Argentina.

O Mercosul é composto por Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai. A Venezuela passa pelo processo de incorporação.

Atualmente, o protocolo de adesão do país está sob debate no Senado brasileiro, e também falta o aval dos parlamentares paraguaios. Os Legislativos de Argentina, Uruguai e Venezuela já aprovaram o dispositivo.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva ainda não confirmou presença na reunião do Mercosul, mas deve comparecer. Os mandatários da Bolívia, Evo Morales, e do Peru, Alan García, não irão.

Fonte 02/12/2009 ás 15h

Compartilhe

Hugo Chávez irá à posse de Mujica no Uruguai, dizem parlamentares