Holandeses abrem perspectivas de parceria com o Brasil na área espacial

Fonte Agência Espacial Brasileira 07/08/2014 às 20h
O Adido para Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) da Embaixada dos Países Baixos em Brasília, Hans Dorresteijn, o novo e o antigo Conselheiro de CT&I, Nico Shiettekatte e Theo Groothuizen, visitaram nesta quinta-feira (7) a Agência Espacial Brasileira (AEB).

Eles foram recebidos pelo presidente da instituição, José Raimundo Braga Coelho, e pelo chefe da Assessoria de Cooperação Internacional, José Monserrat Filho. No encontro foram tratados diversos temas envolvendo de interesse comum do Brasil e da Holanda.

Entre os assuntos tratados, a participação dos Países Baixos no Programa de Cooperação na Formação de Recursos Humanos Qualificados para a área espacial brasileira, que inclui a possibilidade de vinda ao Brasil de pesquisadores, professores e tecnólogos holandeses para pesquisar, ensinar e trabalhar em universidades e centros de pesquisa, assim como em indústrias aqui sediadas.

Exemplos

Os visitantes receberam exemplos de acordos nesta área, que têm o apoio do programa de expansão e internacionalização da ciência espacial, com bolsas tanto para estudantes como para professores e pesquisadores.

O segundo ponto em destaque trata da cooperação entre Parques Industriais dos dois países no setor espacial. O parque tecnológico de São José dos Campos (SP), que reúne grandes empresas espaciais brasileiras pode desempenhar papel proeminente nesse esforço.

Parceria com os EUA

Os Estados Unidos também se interessam por estabelecer parcerias de maior envergadura no setor aeroespacial com o Brasil. A Conselheira de Meio Ambiente, Ciência, Tecnologia e Saúde da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, Mary Townswick afirmou haver intenção por parte de seu país em receber mais bolsistas do programa de incentivo ao intercâmbio e à mobilidade na área espacial, uma vez que as universidades norte-americanas são as mais procuradas pelos estudantes que se inscrevem no programa governamental de formação de recursos humanos qualificado.

O chefe da Assessoria de Cooperação Internacional da AEB, José Monserrat Filho, que recebeu a conselheira americana, disse que há intenção da Agência em retomar as negociações sobre um acordo na área espacial cujas conversações se iniciaram no início do ano. Existe ainda o interesse da AEB em voltar a analisar projetos de satélites para a área de meio ambiente.


Agência Espacial Brasileira
Fonte Agência Espacial Brasileira 07/08/2014 ás 20h

Compartilhe

Holandeses abrem perspectivas de parceria com o Brasil na área espacial