Governo colombiano e Farc anunciam avanços na negociação de paz

Fonte Agência Brasil / EBC 01/03/2013 às 21h

 Bogotá - O chefe dos negociadores do governo colombiano no processo de paz com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), Humberto de la Calle, disse hoje (1º), ao terminar a sexta rodada de conversações com a guerrilha, que os "diálogos passaram da aproximação para os acordos". Do mesmo modo, Ivan Márquez, dirigente da guerrilha na negociação, declarou que o processo está "caminhando em direção à paz". Os dois deram entrevista em Havana, Cuba, onde são feitas as reuniões.

O desenvolvimento rural é o primeiro ponto de uma lista de cinco temas na negociação destinada a colocar fim ao conflito armado colombiano. O representante do governo declarou que o tema da ocupação territorial teve avanços significativos. Desde janeiro, a reforma agrária é debatida. “Estamos conversando com as Farc para chegar a acordos, para alcançarmos um processo de desenvolvimento rural efetivo, porque é uma prioridade do governo”, declarou La Calle.

Ivan Márquez disse que o presidente do país, Juan Manuel Santos, deve levar em conta que a restituição de terras no país precisa ser prioridade frente aos interesses dos grandes proprietários de terra. "O governo deve priorizar os camponeses, sobre as multinacionais, que são as maiores proprietárias de terras", pediu o dirigente das Farc.

Desde que o processo de paz foi iniciado, em novembro de 2012, é a primeira vez que o governo colombiano sinaliza ter havido avanço rumo a um acordo sobre o tema da terra. Além do desenvolvimento rural, a agenda de negociações investigará outros quatro temas: garantias de participação política dos líderes da guerrilha, o desarmamento, a reintegração civil dos ex-guerrilheiros e o problema do narcotráfico.

Agência Brasil / EBC
Fonte Agência Brasil / EBC 01/03/2013 ás 21h

Compartilhe

Governo colombiano e Farc anunciam avanços na negociação de paz