Garotas envolvidas em Bunga-Bunga insultam Ruby no Twitter

Fonte Ansa flash 06/04/2013 às 11h

Interceptações telefônicas utilizadas em procedimentos judiciários mostraram que Ruby não era amada pelas outras mulheres que frequentavam a mansão de Berlusconi

MILÃO, 5 ABR (ANSA) - Algumas das mulheres que participaram das noites na residência do ex-primeiro-ministro italiano, Silvio Berlusconi, que ficaram conhecidas como "bunga-bunga", insultaram a jovem marroquina Karima El Mahroug, conhecida como Ruby, após o protesto que ela protagonizou na frente do Tribunal de Milão.

As frases mais fortes contra Ruby são de Ioana Visan e Barbara Guerra, que, por meio da rede social, classificaram a marroquina como "hipócrita" e "prostituta" e pediram para ela "voltar para o Marrocos". Visan ainda acusou a marroquina de ter "estragado nossas vidas e a do premiê [Berlusconi] para ficar famosa".

Interceptações telefônicas utilizadas em procedimentos judiciários mostraram que Ruby não era amada pelas outras mulheres que frequentavam a mansão de Berlusconi.

Ansa flash
Fonte Ansa flash 06/04/2013 ás 11h

Compartilhe

Garotas envolvidas em Bunga-Bunga insultam Ruby no Twitter