Funcionários da Codeplan fazem manifestação a favor da saída de Arruda.

Fonte Agência Brasil. 04/12/2009 às 16h

Funcionários da Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan), o Sindicato dos Servidores e Empregados da Administração Direta, Fundacional, das Autarquias, Empresas Públicas e Sociedades de Economia Mista do Distrito Federal (Sindser) e representantes da Central Única dos Trabalhadores (CUT) fizeram no início da manhã uma manifestação em frente à companhia a favor da saída do governador do DF, José Roberto Arruda.

De forma pacifica, eles gritavam “Sou trabalhador da Codeplan, mas não sou ladrão”. Segundo o Sindser, os funcionários questionam os contratos de licitação supostamente fraudulentos da empresa.

As entidades envolvidas se reuniram e decidiram entrar com uma ação por danos morais contra o governador. Ele teria dito que a empresa poderia ser fechada a qualquer momento, porque os funcionários não trabalhavam bem.

O presidente do Sindser, Evandro Machado, disse que a finalidade também é fazer uma limpeza nos contratos de licitação, começando pelo da Linknet, empresa de informática citada no processo como parte do esquema de corrupção.

O sindicato convocou a categoria para participar de um ato na quarta-feira (9), em frente ao Palácio do Buriti, quando farão uma passeata a favor do impeachment do governador Arruda.

Agência Brasil.
Fonte Agência Brasil. 04/12/2009 ás 16h

Compartilhe

Funcionários da Codeplan fazem manifestação a favor da saída de Arruda.